México

ROFF marca presença no evento SAP na cidade do México

A portuguesa ROFF vai estar presente no SAP Fórum México 2016 que se realiza amanhã, dia 11 de fevereiro, no centro de exposições Expo Bancomer Santa Fe, na Cidade do México. A empresa alemã espera para este evento mais de 5 mil participantes.

AT&T quer acabar com monopólio da América Móvil no México

A filial mexicana da AT&T vai começar a reestruturar alguns dos seus serviços no país sul-americano. A revelação foi feita pelo diretor da unidade durante uma conferência de imprensa na qual mostrou o seu apoio às restrições colocadas à América Móvel, o colosso das telecomunicações do México.

Altitude Software reforça aposta no México

A Altitude Software inaugurou hoje um novo escritório e um centro de desenvolvimento de serviços no México, na sequência do seu décimo aniversário no país. Com o investimento, a empresa portuguesa quer fortalecer o crescimento do negócio neste mercado latino-americano.

AT&T quer comprar operadora para reforçar presença no México

A AT&T quer comprar a unidade mexicana de comunicações remotas da NII Holdings. O negócio deverá rondar os 1,88 mil milhões de dólares, mais as dívidas consideráveis contraídas pela subsidiária falida. Proprietária da operadora latina Nextel, a NII Holdings pedira proteção contra falência nos Estados Unidos em setembro de 2014. Uma dívida de 5,8 mil

China Telecom aposta em rede de banda larga no México

A China Telecom, a terceira maior operadora da China, prepara uma oferta para construir e administrar uma nova rede de banda larga móvel no México e busca parceiros locais para formar um consórcio, disseram três pessoas com conhecimento do assunto à agência internacional Reuters. A empresa já garantiu milhares de milhões de dólares de financiamento

JP – inspiring knowledge traça parceria com grupo IUSA

A JP – inspiring knowledge (JP-IK) assinou ontem um acordo de parceria com o grupo mexicano IUSA para a constituição de uma nova empresa, que prevê o desenvolvimento de uma solução integrada de tecnologias educativas para o mercado Mexicano. O acordo foi assinado no decorrer da missão empresarial portuguesa ao México, liderada por Paulo Portas

Tecnológicas portuguesas avançam para o México e exibem-se no WCIT

O Congresso Mundial de Tecnologias de Informação (WCIT) este ano, realiza-se em Guadalajara, no México, este ano com uma verdadeira “embaixada” de empresas portuguesas organizada pela Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana (CCILM), no âmbito do “Portugal Connect”. E com um duplo objectivo: aproveitar as oportunidades que o desenvolvimento mexicano oferece e mostrar ao mercado mundial as aplicações

Saphety fecha negócio de dois milhões de euros no México

Depois do Wal-Mart, a GS1 passa a ser o segundo grande cliente da tecnológica portuguesa no México. A Saphety acaba de ser selecionada pela GS1 México para implementar as soluções de sincronização de dados através do SaphetySync – composto pelo SyncCode, SyncMedia e SyncAggregator. O negócio, válido por cinco anos, ultrapassa os dois milhões de

México aperta leis das telecoms e encurrala América Móvil

A indústria mexicana das telecomunicações está a procurar uma legislação que ponha um travão à dominância irrefutável da América Móvil do multimilionário Carlos Slim. As empresas das telecoms querem que Slim renuncie ao monopólio do setor e que seja penalizado caso não aquiesça à legislação. A câmara baixa do Parlamento mexicano está determinada a discutir

América Móvil não cumpre normas da reguladora mexicana

A espanhola Telefónica acusou a América Móvil de desrespeitar o regulamento imposto pelas autoridades das telecomunicações mexicanas para a partilha da sua rede e para a venda de dispositivos móveis desbloqueados a outras operadoras. A empresa de telecomunicações Telefónica alertou o Instituto Federal de Telecomunicações para o incumprimento, por parte da América Móvil, das normas

Grupo de Slim pressionado

O México dará aos novos reguladores poderes para vigiar empresas dominantes de telecomunicações, televisão e rádio até os seus preços e descontos, de acordo com proposta de lei para regulamentar a reforma constitucional aprovada no ano passado. Num esforço para reduzir o poder das empresas do bilionário Carlos Slim, o Instituto Federal de Telecomunicações (IFT)