malware

Metade dos alvos do NoPetya são empresas industriais

A Kaspersky Lab divulgou mais dados sobre o recente ciberataque que afetou a Europa. A empresa de segurança, que passou a designar o NoPetya por ExPetr, indica que cerca de 50% dos alvos foram empresas industriais ligadas ao setor da energia (eletricidade, petróleo e gás) e manufatura.

Alemanha é o segundo país mais afetado pelo NoPetya

A ESET recolheu dados de difusão do NoPetya e estes demonstram que a Ucrânia foi de longe o país mais afetado com 75 % das infeções, seguido da Alemanha com quase 10% e a Polónia com 5%. Estes três países correspondem a 90% do total das máquinas afetadas pelo ransomware do ataque que teve início na terça-feira.

Redes corporativas podem ser comprometidas com dispositivo de 18€

Os investigadores da Kaspersky Lab descobriram uma ferramenta de hacking para interceção de palavras-passe que pode ser desenvolvida por apenas 18€, com recurso a dispositivo móvel de tipo DIY Raspberry Pi, e por alguém com conhecimentos básicos de programação. A pesquisa conseguiu recolher secretamente informações de autenticação de utilizadores de redes corporativas ao ritmo de 50 password hashes por hora.

JAFF é o novo ransomware que se transmite por email

A Check Point alerta para um novo ransomware que é enviado através do botnet Necurs recorrendo a mensagem de email. Durante os primeiros dias de atividade, o JAFF foi enviado em mais de 10.000 emails por hora.

Check Point reúne parceiros e clientes para discutir segurança cibernética

A Check Point celebrou nos dias 31 de maio e 1 de junho, em Tróia, o seu evento CPX Portugal │Summer Summit 2017. O encontro reuniu clientes e parceiros da empresa em Portugal, mas contou também com a presença de outros players da indústria da segurança, convidado para contribuir para a discussão acerca dos desafios mais urgentes no campo dos ciberataques, com o objetivo de ajudar empresas de diferentes sectores e dimensão a desenvolver estratégias para se manterem um passo à frente dos hackers e do malware.

Botnet Ztorg já infetou um milhão de dispositivos móveis

A Kaspersky Lab descobriu uma rede de grande escala que promove aplicações infectadas com o trojan Ztorg através de campanhas de publicidade. As campanhas estão em vigor há mais de um ano, com quase 100 programas comprometidos com um total de 1.000.000 de de instalações.

Check Point descobre ataques de malware através de legendas

A Check Point anuncia a descoberta de um novo vetor de ataque que ameaça centenas de milhões de utilizadores de plataformas multimédia. A ameaça está escondida nas legendas que podem dar controlo do dispositivo, seja um computador, um smartphone ou uma Smart TV, aos hackers.

Check Point identifica regresso dos Exploit Kits em abril

A Check Point, fabricante mundial especializado em segurança, identificou um aumento continuado no número de ciberataques que utilizam Exploit Kits a nível mundial. A sua variante Rig EK transformou-se na ameaça mais repetida na edição de abril do ranking Global Threat Impact Index, elaborado pela empresa.

Opinião | Ransomware: quando a ameaça se torna realidade

Há já muito tempo que ouvimos falar da ameaça potencial do ransomware, mas na realidade sem fazer grande caso da questão (afinal, acontece é sempre aos outros). Pois bem, na sexta-feira passada a ameaça potencial tornou-se realidade. Uma situação que afetou empresas de mais de cem países – o maior ciberataque registado até hoje.

Kaspersky Lab realiza webinar sobre WannaCry

A equipa da Kaspersky Lab, em parceria com a Comae Technologies, organiza, hoje, dia 17 de maio, um webinar de emergência. O objetivo do evento é ajudar a entender o WannaCry e as melhores formas de defensa contra este ransomware que afetou mais de 200 mil máquinas em todo o mundo.

Ataque de ransomware de larga escala afeta empresas portuguesas e europeias

Vários computadores em Espanha foram bloqueados num ataque de larga escala que afetou, entre outras organizações, a Telefónica. Noticias mais recentes dão conta que algumas empresas em Portugal Inglaterra e Alemanha também estão a ser vítimas de ataques cibernéticos. O Observador refere que a Portugal Telecom, a EDP e a NOS estão entre as companhias afetadas.

Exploit kit Rig EK torna-se no malware mais usado em Portugal

A Check Point revelou o ranking de ameaças do mês de março a nível mundial, o “Global Threat Impact Index”. Este índice aponta para um aumento da utilização exploit kits. No nosso país o malware mais comum, foi exatamente, um desses exploradores de vulnerabilidades, o Rig EK.

ESET descobre inovações do backdoor Carbon

A ESET divulgou uma análise ao backdoor Carbon em que descobriu várias inovações no malware desenvolvido pelo grupo Turla, que tem atacado instituições na Europa e nos EUA.

Check Point deteta malware que utiliza ocultação personalizada

A Check Point Software Technologies, empresa de software e tecnologia especializada em segurança, alertou para o perigo de um novo adware descoberto no Google Play, o Skinner. Este adware é também um malware inserido no código de uma app relacionada com videojogos e já foi descarregada por mais de dez mil utilizadores durante os mais de dois meses em que esteve disponível na loja oficial da Android.

S21sec deteta variação de malware direccionado a ATMs

A S21sec, empresa focada em serviços e tecnologia de cibersegurança, detetou o reaparecimento do Ploutus, uma das famílias de malware de ATM mais sofisticadas. A nova variante designada Ploutus-D envolve uma técnica utilizada para roubar avultadas quantias de dinheiro de uma caixa multibanco sem necessidade de utilizar um cartão de crédito ou débito.

Hancitor é um dos cinco malwares com maior impacto mundial

A Check Point reporta que o Hancitor é agora uma das cinco maiores ciberameaças a nível mundial de acordo com o Índice de Impacto de Ameaças global da empresa, o malware subiu 22 posições no índice depois de triplicar o seu impacto global durante o mês de fevereiro.

Malware destrutivo StoneDrill chega à Europa

A Kaspersky Lab alerta para a descoberta de um novo malware wiper que, como o próprio nome indica, apaga todas as informações que se encontram no equipamento infetado. Além disso, possui técnicas avançadas anti-deteção. Esta é a primeira vez que este tipo de ameaças chegam à Europa.

Trojans de publicidade foram a maior ameaça mobile em 2016

A Kaspersky Lab apresentou um relatório com as suas descobertas na área de malware para dispositivos móveis, o Mobile Virusology malware report for 2016. A empresa de segurança refere que existiu um aumento de quase três vezes em detecções de malware nesses dispositivos em relação a 2015, num total de 8,526,221ameaças. Em destaque, as ameaças ligadas à publicidade, ransomware e bancárias.

Portugal é um dos países afetados pelo malware Adwind

A Kaspersky Lab detetou um novo e massivo ataque realizado pelo backdoor Adwind Remote Access Tool (RAT). Este malware permite que os criminosos ganhem acesso ao dispositivo e, assim, às informações confidenciais dos utilizadores. Portugal está entre os países vítimas deste backdoor.

Ransomware duplicou durante a segunda metade de 2016

A Check Point acaba de publicar o seu novo relatório “H2 2016 Global Threat Intelligence Threats”, que aponta as principais tendências em malware e que mostra que os ataques de ransomware duplicaram no segundo trimestre de 2016.

Kaspersky Lab descobre ataques “invisíveis” a empresas de 40 países

Os especialistas da Kaspersky Lab descobriram uma série de ataques que utilizam código Meterpreter com scripts PowerShell e outras ferramentas e se transformam em código malicioso capaz de se ocultar na memória e, de forma invisível, compilar as passwords dos administradores dos sistemas. Estas ameaças “invisíveis” permitem que os cibercriminosos tenham acesso e controlem os dispositivos das vítimas.