IPO

Alibaba considera bolsas chinesas

A gigante chinesa Alibaba está a trabalhar num plano para entrar numa bolsa de valores no seu país de origem. Atualmente, está listada em Nova York.

Dropbox vai entrar em bolsa

O serviço de armazenamento cloud Dropbox pediu oficialmente a entrada em bolsa. A IPO terá um valor de 500 milhões de dólares.

Foxconn irá utilizar IPO para financiar projetos

A Foxconn, a maior fabricante de eletrónica do mundo, explicou que planeia utilizar o dinheiro da entrada na bolsa de Xangai de uma das suas subsidiárias para financiar um total de oito projetos.

Dropbox prepara entrada em bolsa

Ao que tudo indica, o serviço de cloud Dropbox prepara-se para a sua oferta pública inicial. O serviço baseado em São Francisco, Estados Unidos, pediu confidencialmente a entrada na bolsa norte-americana.

Ações da Snap sofrem queda de 4,9% e regressam ao valor da entrada na bolsa

As ações da Snap valem agora o mesmo que no seu IPO. A casa-mãe do Snapchat teve uma queda para 17 dólares por ação, o valor do primeiro dia como empresa cotada. Isto reflete a falta de confiança dos investidores na empresa que tem tido uma concorrência cada vez maior das outras redes sociais.

Snapchat deu entrada para IPO massivo, diz Reuters

A Snap, empresa que detém o popular aplicativo de mensagens Snapchat, deu entrada nos papéis para um dos maiores IPO – oferta pública inicial – dos últimos anos. É o que avançam fontes citadas primeiro pela agência Reuters e depois pelo Wall Street Journal.

Pure Storage apresenta pedido de oferta pública inicial de ações

A empresa de armazenamento de dados apresentou aos reguladores norte-americanos um pedido para a realização da sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) ordinárias, um ano após investimentos privados avaliarem a empresa em mais de 3 mil milhões de dólares.

Rocket Internet indica que seu portfólio valorizou 47% após IPO

A controladora de startups alemã informou que o último valor do seu conjunto de investimentos em comércio eletrónico cresceu em 2,3 mil milhões de euros, ou 47%, ao final de junho. A avaliação ocorre nove meses após a sua oferta inicial de ações, em outubro de 2014. De acordo com documentos emitidos pela companhia, o

Micromax prepara IPO

A Micromax Informatics, a segunda maior fabricante de smartphones da Índia, planeia angariar até 500 milhões de dólares por meio de uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) em abril, informou o jornal Economic Times. A empresa, que entrou no mercado de telemóveis da Índia em 2008, com telefones baratos com grandes ecrãs, vai vender

Box adia IPO devido a instabilidade do mercado

A empresa Box, provedora de armazenamento cloud que no passado mês de março apresentou a sua IPO, vai adiar a sua estreia no setor público, que certamente acontecerá somente em 2015, devido a instabilidades de mercado. O co-fundador e diretor executivo da tecnológica californiana, Aaron Levie, conseguiu adquirir alguma flexibilidade financeira em julho, altura em

IPO da Alibaba poderá vir a ser a maior de sempre

A gigante chinesa do comércio digital Alibaba está a planear aumentar a sua Oferta Pública Inicial nos Estados Unidos depois de quase ter-se “afogado” na arrebatadora procura por parte de investidores. De acordo com fontes próximas do assunto, depois de, na semana passada, ter apresentado a sua IPO, a Alibaba conseguiu no mais do que

Alibaba prestes a entrar na Bolsa nova-iorquina

A titã chinesa do comércio digital Alibaba está a preparar-se para apresentar a sua oferta pública inicial nos Estados Unidos, que, ao que tudo indica, deverá ser no próximo dia oito de setembro. Caso seja verdade, as ações da Alibaba poderão figurar nos quadros eletrónicos de Wall Street já na segunda quinzena de setembro, um

Alcatel-Lucent prepara IPO para unidade de cabos submarinos

A Alcatel-Lucent está a planear vender parte da sua unidade de cabos submarinos mediante uma oferta pública inicial, parte de uma estratégia de recuperação da operadora liderada pelo CEO Michel Combes. A IPO, que deverá ser apresentada no primeiro semestre de 2015, possibilitará que a empresa adquira os meios necessários para poder conquistar novas aquisições

Line prepara-se para entrar na Bolsa de Tóquio

A Line, uma empresa japonesa que criou uma aplicação de mensagens instantâneas, vai passar a estar cotada na Bolsa de Tóquio e já anunciou que também pretende levar as suas ações para a Bolsa de Nova Iorque. Atualmente, a Line conta com 400 milhões de utilizadores registados em todo o mundo e é vista como

Alibaba vai a público e abre mão do monopólio do e-commerce

O pulso de ferro da Alibaba sobre o setor chinês do comércio online enfrenta o seu maior desafio até à data, numa altura em que se prepara para registar-se no mercado de ações norte-americano, uma IPO com a qual a chinesa deverá conquistar uma avaliação de 140 mil milhões de dólares. A imperadora chinesa do

Alibaba de olhos postos na Bolsa de Nova Iorque

A chinesa Alibaba comunicou que está a considerar cotar as suas ações na Bolsa de Valores de Nova Iorque, alvitrando o ressurgimento da confiança de um mercado com mais de duas décadas nas empresas tecnológicas. Esta possibilidade emerge como um ataque ao Mercado de Ações Nasqad que estava na corrida para receber as ações da

GoPro estreia-se no setor público

A norte-americana GoPro, fabricante das câmaras wearable prediletas dos aficionados das atividades radicais, apresentou a sua oferta pública inicial, colocando as suas ações sob os preço de 24 dólares cada uma, o que valeu à empresa uma avaliação de 2,96 mil milhões de dólares. Com a IPO a GoPro conseguiu conquistar 427,2 milhões de dólares,

Rocket Internet pode estar a considerar ir a público

A startup de investimentos online Rocket Internet está a planear ir a público ainda este ano, colaborando com entidades como a J.P.Morgan e a Morgan Stanley para arquitetar uma venda de de ações em Frankfurt, segundo fontes anónimas próximas do assunto. A empresa sediada na capital alemã conta com investimentos em mais de sete dezenas

Reveladas intenções da Square para venda de ações

A startup de pagamentos mobile norte-americana Square tem estado envolvida em negociações com múltiplas rivais para uma eventual venda, numa altura em que a empresa alveja a restrição do incremento das perdas que tem sofrido. Dados do Wall Street Journal avançam que no início deste ano a Square abordou a Google relativamante a uma possível

Box revela IPO

A empresa de armazenamento cloud Box submeteu a tão a tão aguardada oferta pública inicial à Comissão norte-americana de Segurança e Comércio, revelando que pretende angariar até 205 milhões de dólares. A empresa confirmou as suas intenções numa publicação na plataforma de microblogging Twitter e o seu S-1, um documento exigido a todas as empresas que se queiram

IPO da Alibaba é alvo apetecível

A oferta pública inicial da Alibaba está sob o olhar ávido de todos, e são muitos os que querem uma parte da IPO. Segundo a Reuters, os maiores bancos estão de olhos postos na oferta inicial pública da gigante de e-commerce Alibaba. As entidades bancárias decidiram não embarcar em nenhum negócio com empresas rivais da

Alibaba revela IPO a 25 de março

A empresa de comércio eletrónico Alibaba realizará dia 25 de março uma reunião com seis entidades bancárias destinada à conceção da sua oferta pública inicial (IPO), com a qual entrará na bolsa de valores norte-americana. A gigante de e-commerce chinesa, que lida com mais bens do que a eBay e do que a Amazon.com juntas,

Alibaba perde quota de mercado na aproximação a IPO

O domínio da Alibaba no comércio de retalho online na China enfrenta o seu maior desafio até ao momento, numa altura em que a empresa prepara uma Oferta Pública Inicial (IPO) que pode valorizar a empresa em 140 mil milhões de dólares. A Alibaba Group Holdings perdeu quota de mercado no último ano, enquanto os

IPO da Alibaba poderá ser em Nova Iorque

A gigante chinesa de e-commerce, a Alibaba Group Holding, está “95 por cento certo” em escolher Nova Iorque como local para a sua oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês). O Financial Times, que adiantou a notícia sem citar nomes das suas fontes, afirma, ainda, que a empresa já não discute uma potencial listagem