concorrência

Kaspersky vai retirar queixa contra Microsoft

A empresa de cibersegurança anunciou que vai retirar a queixa que realizou contra a Microsoft por concorrência desleal após a gigante tecnológica ter concordado em mudar a forma como oferece as actualizações de segurança aos utilizadores Windows.

Google refuta Europa: Android “impulsiona” concorrência

A Comissão Europeia está a investigar a Google por práticas anticoncorrenciais no sistema operativo Android e interpôs uma queixa alegando que o fato de a empresa integrar uma suite de aplicações próprias prejudica os concorrentes.

União Europeia formaliza queixa contra Google

O caso que tem vivido da troca de acusações entre a UE e a Google chega, finalmente, a uma ação concreta. Margrethe Vestager anunciou a formalização de uma queixa contra a empresa de Mountain View, deixando à tecnológica um prazo de dez semanas para responder e a possibilidade de pedir uma audiência. Este é o

Vestager é a esperança das rivais da Google

A capacidade da Google para evadir-se de acusações antitrust não tem precedentes. Mas a sorte do colosso da Internet pode ter os dias contados, visto que a nova Comissária Europeia para a Competição já deu provas de que a sua campanha antimonopólio deverá colmatar as falhas deixadas pelo seu antecessor Joaquín Almunia. As queixas contra

CEO da Microsoft visita China no meio de investigação

O presidente-executivo da Microsoft, Satya Nadella, tem prevista uma visita à China no final de setembro ao mesmo tempo que o governo chinês faz uma investigação por alegadas práticas de monopólio contra aquela que é a maior companhia de software do mundo, avançou a agência Reuters. Parece ainda não estar claro se Nadella, que assumiu o cargo

Start-up portuguesa contesta modelo da Google

Aptoide queixa-se da posição dominante que a gigante norte-americana tem no mercado. Para a empresa portuguesa, a agregação de serviços como o Google Play, impede empresas como a Aptoide de chegar aos consumidores. “Estamos simplesmente a pedir à Comissão Europeia para restaurar uma concorrência leal no mercado, para podermos competir por mérito próprio”. Estas são

EPC critica acordo da CE com a Google

O European Publishers Council (EPC), organismo que representa alguns dos principais editores europeus, já reagiu ao acordo feito entre a Comissão Europeia (CE) e a Google e criticou esta investigação, que foi aberta em 2010 devido à alegada concorrência desleal e abuso de posição dominante exercida pela Google. Segundo Francisco Balsemão, presidente do EPC e

Comissão Europeia impõe alterações à Google

A Comissão Europeia (CE) estabeleceu um acordo com a empresa Google que levou a empresa norte americana a aceitar alguns dos remédios propostos pela CE para corrigir as distorções que estava a introduzir no mercado. O acordo foi firmado no âmbito das investigações e negociações que decorreram ao longo dos três últimos anos na sequência