carros

Minúsculo aparelho destroça segurança de carros e portões eletrónicos

Umas plaquinhas, processadores simples, um pouco de solda, uma bateria minúscula e uma antena. Com 30 dólares e alguma criatividade, o especialista em segurança Samy Kamkar provou que é possível reunir estas peças e aniquilar a segurança que governa os sistemas de travagem de boa parte dos carros.

LG produz ecrãs para carros da Honda e da Porsche

A LG Electronics está a fabricar ecrãs para os interiores dos carros da Honda e da Porsche. Segundo informações divulgadas, a companhia japonesa procura fortalecer o seu negócio no ramo automóvel para atenuar as quebras nas vendas de televisões e smartphones.

Tesla: “os hackers são um grupo muito importante para nós”

A conferência Def Con, que decorre todos os anos em Las Vegas, é uma das maiores convenções de hackers em todo o mundo. Na última edição, este sábado, Khobi Brooklyn, porta-voz da Tesla, lisonjeou os hackers, dizendo que são um grupo muito importante para a empresa.

Carros da Google tiveram onze acidentes em seis anos

Os carros autónomos da Google estiveram envolvidos em onze acidentes, desde que o projeto começou há seis anos. Contudo, o líder da iniciativa garantiu que os automóveis conduzidos através de sistemas informáticos não foram a causa de nenhum dos incidentes. A frota de carros self-driving da Google, composta por mais de duas dezenas de veículos,

TomTom vê nova fonte de receitas nos carros autónomos

A TomTom quer ser um dos principais fornecedores de sistemas de navegação para veículos de condução autónoma. Ao ingressar por um mercado que cada vez mais ganha peso, a empresa holandesa procura potenciar o crescimento da sua marca e competir na esfera do mapeamento e navegação com rivais como a Google. As capacidades da TomTom

Alibaba aposta em carros e em equipamentos inteligentes

A Alibaba prepara-se para reforçar as suas operações de computação cloud, equipamentos e Big Data. As suas recentemente criadas unidades de automação e de dispositivos domésticos inteligentes visam expandir os tentáculos da gigante chinesa para lá das fronteiras do comércio digital. O colosso do e-commerce chinês, comandado pelo excêntrico magnata Jack Ma, depois de ter

Carros self-driving vão gerar milhares de milhões em receitas

O mercado dos carros autónomos poderá gerar receitas anuais de milhares de milhões de dólares. Um estudo da McKinsey & Company concluiu que o crescimento deste setor será alimentado pelos serviços e produtos de Internet móvel. A investigação revelou que a disseminação dos chamados self-driving cars levará a uma diminuição de 90 por cento dos

MWC 2015: Carros autónomos só daqui a pelo menos dez anos, diz Ghosn

Os carros totalmente autónomos não chegarão ao mercado pelo menos durante mais dez anos. O CEO da Renault, Carlos Ghosn, em entrevista à Bloomberg, no Mobile World Congress, disse que a tecnologia de que hoje dispomos, embora evolua continuamente, não permite ainda a criação de carros que dispensem completamente a presença de um condutor. O

MWC 2015: solução da AT&T liga carros a casas inteligentes

A AT&T vai unir a suas tecnologias para carros conectados aos seus sistemas para casas inteligentes. A operadora alveja a liderança do setor crescente dos connected cars com uma oferta integrada e diferenciadora, para lutar contra rivais como a Google e a Verizon. A operadora norte-americana de telecomunicações móveis AT&T quer oferecer aos seus clientes

Google e Detroit em desacordo sobre carros self-driving

A gigante tecnológica Google está a gerar alguma animosidade junto das empresas fabricantes de automóveis, numa altura em que, de olhos fixos na massificação dos seus carros que se conduzem a eles próprios, quer a qualquer custo conquistar um lugar ao sol na indústria automóvel. Há aproximadamente dois anos, uma equipa de engenheiros da Google

Google e os carros automáticos: um passo maior que a perna?

A automatização de tudo o que nos rodeia parece ser, sem sombra de qualquer nuvem duvidosa, uma tendência que tem assolado várias indústrias, nomeada e obviamente a tecnológica, pois, segundo consta, é de um fascínio tremendo um objeto que por ele próprio execute tarefas que exigiriam a intervenção humana. Nestas circunstâncias, a Google desenvolveu tecnologia