Smishing está à espreita! Fique atento às suas sms

Segurança

Há campanhas fraudulentas de SMS, o denominado smishing, a aparecer com cada vez maior frequência.

De acordo com a Shopos, que veio alertar para esta situação, a técnica de ciberataques de phishing através de e-mail é já bastante conhecida, sendo que grandes empresas já perderam avultadas somas de dinheiro graças a este método.

Também comum é outra técnica de phishing através da qual os criminosos espalham ameaças dentro das empresas, como as campanhas de Emotet, em que infiltram ransomware em toda a rede empresarial através do envio de documentos maliciosos.

No entanto, o smishing  tem vindo a ganhar notoriedade nos últimos tempos; trata-se de uma técnica de engenharia social através da qual os cibercriminosos atacam massivamente muitos utilizadores com o simples envio de uma SMS, simulando ser um remetente legítimo. Falamos aqui de bancos, uma rede social, uma instituição pública ou uma aplicação de utilização generalizada.

O objetivo destes ataques é roubar informações privadas ou cobrar taxas às vítimas, fazendo com que estas acedam a um link falso ou insiram as suas credenciais para confirmar a sua conta bancária.

O que torna este tipo de ciberataques tão perigoso «é a falta de hábito e de prevenção por parte dos utilizadores”, diz a Sophos.  Os ataques de phishing ou spam são muito comuns em e-mails, “mas por SMS ainda são muitas vezes considerados pelos utilizadores como envios legítimos, uma vez que este tipo de mensagens é muito utilizado para comunicação pessoal, notificações de bancos e companhias aéreas ou códigos de utilização única para validar operações”.

Read also :