Roadshow de Blockchain vai percorrer o país

Inovação

A primeira paragem do roadshow de Blockchain terá lugar na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. No dia seguinte, chega ao Porto.

A Aliança Portuguesa de Blockchain anunciou que o roadshow académico para promover a tecnologia Blockchain começa esta semana. O primeiro workshop terá lugar na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, esta quinta-feira, dia 03 de maio, e a cidade do Porto irá receber, na Faculdade de Economia, outra sessão esta sexta-feira, dia 04 de maio.

Este roadshow académico tem como objetivo mostrar aos alunos do ensino superior novas formas de trabalhar com Blockchain, os seus benefícios e como podem desenvolver soluções nesta tecnologia de forma a aumentarem a competitividade das suas ideias.

Nestas sessões serão explicados aos alunos o que é, como funciona e o que se pode fazer em Blockchain, o que são os Challenges de Blockchain promovidos pela Aliança Portuguesa de Blockchain, como podem participar neste Challenges e responder às várias questões colocadas pelos alunos presentes.

Este roadshow académico vai começar esta quinta-feira, dia 03 de maio, na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, seguindo-se a sessão da Faculdade de Economia da Universidade do Porto esta sexta-feira, dia 04 de maio, e terá várias sessões na semana seguinte na Nova SBE, Porto Business School, na Escola de Economia e Gestão da Universidade do Minho e no final do mês de maio no ISEG – Instituto Superior de Economia e Gestão.

“Esta é uma ótima oportunidade para que os estudantes possam ficar a saber mais sobre o que é Blockchain e para que possam conhecer os desafios lançados por importantes empresas portuguesas, estabelecendo assim uma importante ligação entre o mundo empresarial e a academia”, diz Rui Serapicos, Embaixador da Aliança Portuguesa de Blockchain. “Sabemos que Blockchain já faz parte de alguns programas universitários em Portugal e deste modo levamos o conhecimento e a experiência dos parceiros da Aliança junto dos estudantes, melhorando o conhecimento dos alunos nesta matéria e desenvolvendo novas ferramentas de empregabilidade e novas oportunidades de desenvolvimento de negócio”.

Read also :