Portugal reconhecido como um “Forte Inovador”

economia

O Painel Europeu da Inovação 2020 reconheceu Portugal como estando numa posição privilegiada para liderar a transição para a Bioeconomia na Europa.

O Painel Europeu da Inovação 2020 reconheceu Portugal como “Forte Inovador” e como estando numa posição privilegiada para liderar a transição para a Bioeconomia na Europa.

O novo estudo do Bio-based Industries Consortium (BIC)  “Mapping Portugal`s bio-based potential”, adianta também que a bioeconomia em Portugal já vale 20 mil milhões de euros /ano.

No mesmo estudo o BIC adianta que “Portugal dispõe de poder económico e de inovação e de matéria-prima de biomassa para expandir rapidamente as atividades industriais de base biológica, a nível regional e nacional, e para se tornar num forte parceiro na bioeconomia europeia”.

Além da vertente inovadora, Portugal destaca-se igualmente “pela liderança que detém a nível do setor da biotecnologia, pela riqueza da sua economia do mar, pela ampla atividade industrial dos setores primários da indústria agroalimentar, silvicultura e pescas”.

Ao mesmo tempo, estão também em evidência a produção de produtos de cortiça e de couro.