Mota-Engil aposta nos serviços de mobility e managed services da Softinsa

EmpresasMobilidadeNegócios

 A Mota-Engil escolheu a Softinsa para a prestação de serviços continuados na área de mobility e managed services, englobando um conjunto de soluções integradas de service desk, desktop management, gestão de plataformas, administração e operação de sistemas.

A procura de uma solução para garantir e melhorar a qualidade de serviço de tecnologias de informação, com base no cumprimento de níveis de serviço, foi uma das principais motivações da construtora para a aposta numa nova metodologia centrada no seguimento das melhores práticas a nível de sistemas, arquitetura e processos. 

Vítor Martins, IT Director da Mota-Engil, salienta que tem como expectativa que “os novos serviços de Mobility e Managed Services permitam a transformação de um serviço tradicional, baseado unicamente no suporte local nas nossas próprias instalações, para um modelo de atendimento centralizado muito mais ágil e complementado por uma equipa remota para prontamente dar resposta a qualquer tipo de pedido”.

A solução implementada oferece mecanismos de autoticketing que vêm simplificar o processo de tratamento de tickets e a possibilidade do departamento de tecnologias de informação poder produzir relatórios personalizados, controlar e visualizar toda a linha de serviço, tendo em tempo real informação sobre o estado dos pedidos registados e resolvidos.

Vítor Martins, considera que “o foco na inovação e melhoria contínua serão as principais vantagens deste modelo de gestão de tickets, que oferece a possibilidade de encontrar novos caminhos para aperfeiçoar o alinhamento entre os requisitos de negócio e a capacidade de resposta da área de TI da Mota-Engil”.

A equipa da Softinsa que suporta o projeto está distribuída pelas instalações da Mota-Engil em Lisboa e no Porto, sendo complementada com os serviços remotos a partir dos Centros de Inovação da Softinsa de Tomar e Viseu.