Hisense apresenta quatro medidas de poupança energética

experiência do cliente

O horário de inverno e a descida de temperatura pode levar ao aumento da fatura de eletricidade.

Aproxima-se a mudança da hora para o horário de Inverno e a Hisense avançou com a apresentação de algumas das principais medidas que os utilizadores podem adoptar para poupança de energia e um consumo mais sustentável.

Assim, nos próximos meses de Outono e Inverno é importante:

1. Escolher produtos eficientemente energéticos: na hora de escolher os eletrodomésticos é fundamental prestar atenção à etiqueta energética dos produtos. A opção deve recair em produtos de classe A, ou seja, de máxima eficiência, e com elevado numero de sinais “+”. No entanto, atenção que a partir de 1 de março de 2021 entra em vigor a nova etiqueta energética que vem eliminar as classes energéticas mais altas, como por exemplo a A+++, e introduzir a utilização das letras de A a G para designar a eficiência energética de cada produto.

2. Consumo a pensar no seu lar: para obter um menor consumo, é fundamental eleger uma tarifa de luz adaptada às nossas necessidades e escolher também eletrodomésticos que se moldem ao nosso dia-a-dia. Por isso, é melhor aconselhar-se junto dos especialistas.

3. Otimizar o calor do seu lar: um dos maiores erros do consumo é utilizar os sistemas de climatização sem confirmar se há alguma porta ou janela mal fechada. Ao evitar este tipo de situações é possível conservar o calor e o motor da nossa bomba de calor não terá de estar em constante funcionamento.

4. Evitar o ‘consumo fantasma’ dos seus eletrodomésticos: o termo consumo fantasma faz referência a toda a energia que se perde quando não estamos a utilizar os nossos eletrodomésticos. Assim, a Hisense recomenda ligar vários dispositivos (micro-ondas, fornos, máquina de lavar, exaustor…) a uma tomada com interruptor para que se possa desligar todos os equipamentos quando estes não estão a ser utilizados. À exceção de frigoríficos e arcas congeladoras,  os eletrodomésticos podem ser desligados para evitar a perda de energia quando estes não estão em funcionamento. O objetivo é evitar que os aparelhos tenham desgaste e eliminar este tipo de consumo energético do qual não tiramos partido. 

 

Read also :