EY apresenta estudo sobre a atratividade de Portugal

Empresas

A consultora EY apresenta, no próximo dia 18 de junho pelas 09h00, o estudo EY Attractiveness Survey – Portugal. Este evento, no Páteo Alfacinha em Lisboa, contará ainda com um painel de debate sobre a temática “Portugal, como garantir a sustentabilidade da atratividade do país”.

Este ano, o estudo revela uma contração do IDE na Europa. Ainda assim, Portugal consegue manter-se forte no contexto europeu e continuar atrativo para estes investidores. Por outro lado, foram também detetadas fragilidades e desafios que urgem ser ultrapassados para mais e melhor investimento.

A abertura do evento ficará a cargo de Florbela Lima (partner e líder da área de estratégia da EY). O evento contará também com um painel, onde será debatido o tema “Portugal, como garantir a sustentabilidade da atratividade do país”, moderado por Luís Florindo (associate partner EY) e que conta com a participação de Bernardo Trindade (presidente da comissão executiva da Estrutura de Missão Portugal In), Miguel Fontoura (diretor comercial da AICEP) e Alexandre Vaz (CEO Mercedes-Benz.io Portugal).

O EY Attractiveness Survey é, segundo a empresa, conhecido como uma fonte de informação essencial e independente sobre investimento direto estrangeiro (IDE). Este estudo analisa a atratividade de países e regiões e apoia as empresas em decisões sobre investimento. Os resultados são baseados em questionários representativos de líderes de opinião e decision-makers nacionais e internacionais.

Para esta edição, foram inquiridos 205 investidores de 19 países, e em 5 línguas diferentes (alemão, inglês, português, espanhol e francês). Destes, 117 já estão estabelecidos em Portugal e os restantes 88 não estando estabelecidos são, por isso, potenciais investidores