Covid-19: Escolas vão ter reforço da Internet

economia

O Governo vai apostar num reforço da capacidade de Internet em várias escolas do país, suportando a estratégia numa aposta na digitalização do sistema de ensino.

Nas próximas semanas, as escolas vão contar com um reforço das suas capacidades Internet.

O anuncio foi feito por Tiago Brandão Rodrigues, ministro da Educação que considerou este «um importante reforço na velocidade e capacidade da Internet das escolas, com uma prioridade muito grande ao áudio e vídeo para que sempre que for necessário os professores possam contactar com os estudantes que não estão nas escolas”.

Tiago Brandão Rodrigues disse ainda que está a ser preparada “a maior operação logística de digitalização da escola pública”.

Em conversa com os jornalistas, durante visita a uma escola, o ministro explicou ainda  que, além dos 100 mil computadores, que já foram distribuídos durante o primeiro período pelos alunos do ensino secundário do escalão A e escalão B, “está prevista a entrega de mais 260 mil computadores”.

Recordou o Ministro que, “no programa de estabilização económica e social estavam alocados 400 milhões de euros” e “estão alocados agora novos 500 milhões de euros no programa de resiliência e recuperação para a digitalização das escolas, para apetrechar as escolas, mas também para formar docentes e não docentes e desmaterializar todo o material pedagógico”.

Read also :