Coincheck processada por investidores

FinançasNegóciosSegurança

Os investidores da Coincheck lançaram um processo contra a empresa com o intuito de forçar a casa de compra e venda de criptomoedas a permitir o levantamento dos seus bens depois do roubo do último mês.

Os investidores da Coincheck lançaram um processo contra a empresa com o intuito de forçar a casa de compra e venda de criptomoedas a permitir o levantamento dos seus bens depois do roubo do último mês.

O grupo de sete investidores abriu um processo contra a casa num tribunal distrital de Tóquio e pediu, ainda, que a Coincheck pague juros anuais de 5% sobre o valor das moedas digitais a partir da notificação do pedido até que o valor seja recuperado.

A Coincheck congelou todos os levantamentos em yens e de dinheiro digital depois do roubo de 26 de janeiro. Na último terça-feira, a empresa recomeçou o levantamento de yens, mas manteve as restrições sobre as retiradas de criptomoedas até que pudesse garantir que as suas operações estivessem seguras.

Um dos queixosos afirmou que está à “espera que [a Coincheck] responda rapidamente e nos deixe retomar os levantamentos”. O queixoso em questão investiu 400 mil yens, cerca de três mil euros, em dinheiro digital na Coincheck.

O investidor afirmou que ia continuar a apostar nas criptomoedas e que não estava preocupado com a sua segurança. “Acredito que o valor irá aumentar. Vou procurar um lugar mais seguro para investir”.

Read also :

Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor