Câmara de Abrantes aposta na tecnologia LED para iluminação pública

Empresas

Substituição da iluminação pública com aplicação de lâmpadas de tecnologia LED baixa fatura do consumo energético no Concelho de 170 mil € para 104 mil € anuais, o que resulta numa poupança efetiva de 66 mil € nas despesas da autarquia.

A Câmara Municipal de Abrantes está a substituir as velhas luminárias das redes de iluminação pública do concelho por lâmpadas de tecnologia LED, com resultados de poupança de consumo elétrico muito positivos. Na vasta área geográfica do concelho, 714.73 km2, cerca de 30% das 16.000 luminárias já se encontram substituídas por sistema LED.

Antes desta intervenção, a autarquia tinha um encargo com este consumo energético na ordem dos 170 mil euros anuais e, após a mesma, regista um consumo de 104 mil euros ano, o que significa que só com a mudança destas lâmpadas, a Câmara Municipal já realizou uma poupança efetiva de 66 mil euros.

Numa parceria com a EDP Distribuição – Energia S.A., ao longo dos últimos quatro anos (desde 2017) foram substituídas cerca de cinco mil lâmpadas luminárias de vapor de mercúrio (de maior consumo energético) por um sistema mais amigo do ambiente. Esse trabalho tem vindo a ser desenvolvido em várias freguesias do concelho, sobretudo nas áreas rurais, totalizando 4.095 lâmpadas luminárias, verificando-se um aumento de 612 relativamente à iluminação existente. Para concretização destes trabalhos, a autarquia conta com a colaboração dos executivos das Juntas de Freguesia que sinalizam as diversas necessidades, facilitando as operações de substituições, relocalizações ou colocação de novas estruturas.

O processo de renovação dos sistemas de iluminação pública no Concelho de Abrantes iniciou-se em 2014 com a substituição das luminárias por sistema LED na Avenida das Forças Armadas, na sede do Concelho, num investimento exclusivamente municipal no valor 27 mil euros, recuperados em quatro anos e meio e traduzidos numa poupança anual aproximada de 6 mil euros.

Em carteira encontram-se outros projetos para descontinuar as tradicionais luminárias de vapor de mercúrio por lâmpadas de elevada eficiência energética e mais económicas em diversos equipamentos desportivos de gestão municipal.