4 Ideias falsas sobre o crédito habitação à distância

What is a Brand Discovery ?
Business IntelligenceCloudData CenterData-Storage

O crédito habitação à distância passou de ser uma solução interessante, a tornar-se numa solução necessária com a pandemia, que desempenhou um papel importante no acelerar de um processo que já tinha começado, mas que estava longe de terminar.

No entanto, falar de crédito habitação à distância é ainda algo recente e que levanta reservas a algumas pessoas que pensam que não terão o mesmo serviço que presencialmente, com base em algumas ideias erradas que vamos tentar esclarecer. 

  1. “Tem de se sair de casa na mesma para abrir uma nova conta no banco…”

Esse argumento até podia fazer sentido se não houvesse opções de crédito habitação que permitem ao cliente manter o seu banco, sem necessidade de abrir uma nova conta, com todos os incómodos que isso implica.

A UCI, por exemplo, trabalha exclusivamente crédito habitação, não fazendo algumas das exigências que a maioria dos bancos faz para aprovação do crédito habitação, como a necessidade de abrir conta, domiciliar ordenado ou contratar produtos adicionais para obter condições mais vantajosas para o empréstimo. O que poupa o cliente à necessidade de sair de casa para ir a um balcão abrir uma conta, podendo contratar o seu crédito habitação à distância.

 

  1. “No crédito habitação à distância não há o acompanhamento necessário!”

O acompanhamento no crédito habitação à distância é exatamente o mesmo do crédito habitação tradicional, a diferença é que em vez de reuniões presenciais, as reuniões são feitas através duma plataforma digital, bastando aceder a um link que será enviado. Para além disso, há o telemóvel, email e Whatsapp, que permitem ao cliente entrar em contacto a qualquer momento com o comercial que está a gerir o seu processo, sem ter de estar à espera de uma reunião para ter os esclarecimentos necessários.

  1. “Não deve ser seguro fazer crédito habitação à distância…”

Todo o processo de crédito habitação tem de respeitar exigentes critérios de segurança, independentemente de ser um pedido feito digitalmente e acompanhado à distância, ou em que haja um acompanhamento presencial.

As entidades que concedem crédito habitação à distância trabalham com serviços de solicitadoria cujo objetivo é exatamente garantir a segurança e certeza negocial, cabendo-lhes a recolha e preparação de toda a documentação necessária à formalização do negócio, podendo autenticar documentos e reconhecer assinaturas sempre que necessário.

  1. “Não há acompanhamento no dia da escritura!”

Apesar de todo o processo ser assegurado à distância, no momento de realizar a escritura pode ter a certeza que estará presente um representante da entidade que concedeu o crédito habitação à distância, respeitando todos os pressupostos de segurança: distanciamento social e uso obrigatório de máscara. Assim, consegue-se minimizar o risco, dando ao cliente a segurança de ter sempre alguém presente para resolver alguma questão de última hora que surja.

Não há, portanto, razões para olhar o crédito habitação à distância com desconfiança ou desconforto. Há exatamente o mesmo nível de serviço, a mesma segurança e, se calhar, o acompanhamento até é mais próximo, para além de ser um processo muito mais cómodo e amigo do ambiente.

Comece o seu crédito habitação à distância, faça a sua simulação no nosso simulador de crédito habitação.

Read also :