BPI alcança qualificação CMMI L3

Inovação

Certificação atribuída pelo CMMI Institute, a referência mundial em melhoria organizacional e otimização do desenvolvimento de aplicações informáticas.

A Direção de Sistemas de Informação do BPI alcançou a qualificação internacional “CMMI maturity level 3” para todos os projetos de Elevada Complexidade Técnica no desenvolvimento de aplicações informáticas.

Diz o BPI que é “a única instituição financeira em Portugal com esta qualificação”.

Trata-se de uma certificação atribuída pelo CMMI Institute, uma subsidiária do ISACA com génese na Universidade Carnegie Mellon (EUA), que atesta a qualidade, a gestão e a previsibilidade dos processos de desenvolvimento de aplicações tecnológicas.

O CMMI Institute é uma entidade independente que disponibiliza modelos de referência focados na melhoria organizacional e otimização do desenvolvimento de aplicações informáticas.

O BPI “vê assim reforçada a capacidade de resposta às exigências das entidades de Supervisão Bancária na área do risco tecnológico”.

O Banco já detinha a qualificação “CMMI maturity level 2” desde 2018.

O grau adicional de maturidade agora alcançado é justificado “pelas melhorias realizadas nos últimos dois anos nos processos de certificação e gestão de risco de desenvolvimentos informáticos”.

Com mais de 100 equipas a trabalhar em metodologias ágeis (SCRUM) na sua fábrica de desenvolvimento de software, o BPI tem também investido na certificação dos seus colaboradores.

Neste momento, cerca de 95% dos colaboradores do Banco com a função de Scrum Masters e Product Owners são certificados.

Read also :