As profissões do futuro em IT

EmpregoGestão

Informática é um termo usado para descrever o “conjunto de ciências relacionadas com o armazenamento, transmissão e processamento de informações em meios digitais”, segundo a Wikipédia (que até ela não existia sem isto da informática!

Desde que surgiu, a informática passou a ser um tema abrangente. Tão abrangente que, às vezes, é difícil limitar onde começa e acaba.

A informática tem crescido, muito, tanto, todos os dias, a todos os níveis.

Uma questão que é frequentemente abordada prende-se com a evolução da informática. Até onde vai? Até quando? Por onde vai passar?

Tentei, neste artigo, prever um pouco o futuro. Tentei prever aquelas que vão ser as novas funções dentro da área de informática. Desculpem-me eventuais erros… mas a senhora das cartas também não acerta em tudo.

Mas então, que funções em IT irão ser mais necessárias a curto-médio prazo?

1) Advogados de Segurança Informática

Os ataques cibernéticos ocorrem mais de um milhão de vezes por dia. Recentemente, gigantes globais como Yahoo, JP Morgan e Ebay, ou o Benfica em Portugal, viram os seus dados serem violados, mostrando que esta ameaça é cada vez mais frequente. Tanto os hackers quanto os funcionários colocam em risco os dados da empresa, seja com boas ou más intenções. Logo, os advogados de segurança informática  serão tão essenciais quanto a própria proteção de dados.

2) Consultor de privacidade ou proteção de dados

Os dados são preciosos e precisam ser armazenados com o maior cuidado. Por isso, não deve ser uma surpresa quando a empresa chamar especialistas para essa tarefa. Graças ao GDPR, a função de consultor de dados/privacidade já existe, trabalhando numa ampla gama de atividades, práticas e padrões de negócios para atender aos requisitos regulamentares e garantir a conformidade.

3) Profissionais de análise de dados

Os dados não são úteis se não forem analisados, o que significa que os profissionais de análise de dados desempenharão um papel crucial na interpretação e explicação dos dados. A profissão de Analista de dados será uma das principais posições em toda a economia global.

4) Programadores

Programadores de software continuarão a ser muito procurados na próxima década. A concorrência  entre as empresas para atrair talentos em IT está a aumentar a cada ano. De plataformas de consumidor final a sistemas de pagamento, empresas de marketing, retalho, agências de turismo, instituições bancárias… as organizações continuarão a precisar de programadores de software.

5) Engenheiros de Nanotecnologia

A nanotecnologia reduz o tempo de fabrico, os custos de produção, a poluição e é uma tecnologia sustentável! Em parte, a nanotecnologia parece ser capaz de salvar o mundo. Este papel tornar-se-á crítico em muitos setores como a saúde e ciências da vida, serviços, segurança, indústrias têxtil, automóvel, eletrónica, construção, plásticos e polímeros, biocombustíveis e processos industriais.

6) Designers Industriais

A tecnologia nunca irá substituir as competências emocionais das pessoas, porque as pessoas precisam sentir-se envolvidas e ligadas a um produto. Esses laços são criados pela estética e funcionalidades e é aqui que os designers industriais entram na equação, graças à sua capacidade de direcionar as emoções dos consumidores e aumentar as vendas.

7) Vendedores especializados

A Inteligência Artificial e outros desenvolvimentos tecnológicos exigem vendedores especializados com conhecimento específico para cada tecnologia, ajudando-os a criar negócios e lucros.

8) Especialista em Marketing Digital

Se ainda não se aperceberam da explosão de anúncios de emprego em marketing digital, em breve será impossível não repararem. Graças à digitalização, o marketing online é uma das profissões mais solicitadas para departamentos e agências digitais que fornecem estes serviços.

O crescimento nas tecnologias da informação não conhece limites. Com a constante e rápida evolução tecnológica, serão criadas novas necessidades e novas profissões.

Read also :