Apple corta produção do iPhone X

EmpresasMobilidadeNegóciosSmartphones

A Apple vai cortar os objetivos de produção do seu mais recente smartphone, o iPhone X, nos primeiros três meses deste ano para cerca de20 milhões de unidades.

A Apple vai cortar os objetivos de produção do seu mais recente smartphone, o iPhone X, nos primeiros três meses deste ano para cerca de20 milhões de unidades. As ações da tecnológica de Cupertino desceram 1,6%.

A notícia avançada pelo Nikkei indica que as crescentes preocupações pela performance de vendas do dispositivo, que nos EUA custa 999 dólares, estará a deixar os investidores nervosos com as perspetivas financeiras da Apple, que irá apresentar os seus resultados trimestrais na próxima quinta-feira. Depois de publicada a notícia, as ações da Apple desceram para o valor mais baixo deste ano.

Os analistas começaram a cortar as suas previsões para o segundo trimestre do ano e as previsões anuais para as vendas dos iPhones. Ainda assim, os analistas não esperam que os lucros da empresa desçam este ano, principalmente por causa das alterações na lei dos impostos norte-americana.

O corte na produção do iPhone X deveu-se às baixas vendas registadas na época natalícia na Europa, nos Estados Unidos e na China. A versão X do smartphone contou com a maior alteração de design desde o iPhone 6, em 2015. Muitos esperavam que liderasse as tabelas de vendas das lojas.

Nas últimas semanas, alguns analistas cortaram as suas previsões de vendas do iPhone X, citando o preço elevado do produto e outros fatores.

Read also :

Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor