28 de Outubro de 2015

PMEs arriscam prejuízos de até 33.700 euros, diz estudo

O orçamento médio necessário para recuperar de uma falha de segurança é de 490 mil euros no caso das grandes empresas e de 33.700 euros no caso das pequenas e médias empresas. Esta é uma das principais conclusões do relatório sobre riscos corporativos de segurança TI, elaborado pela Kaspersky Lab. Segundo este relatório, as falhas de segurança mais caras para as empresas são a fraude causada por colaboradores da própria organização, a ciberespionagem, as intrusões na rede por terceiros e as falhas de segurança de fornecedores.