30 de Março de 2015

Afinal a Amazon não está a pensar comprar a Net-A-Porter

A Amazon negou estar envolvida em negociações para adquirir a Net-A-Porter. A tecnológica desmente, assim, a informação que havia sido veiculada pelos media internacionais na semana passada. A notícia de que a Amazon estaria em negociações para comprar a retalhista de luxo londrina foi, segundo o Business Insider, primeiramente avançada pela Women’s Wear Daily, na

Fujifilm reforça presença na área médica com compra da CDI

A Fujifilm acordou em comprar a norte-americana Cellular Dynamics International. O negócio deverá rondar os 307 milhões de dólares e potenciar os negócios de equipamentos médicos e soluções farmacêuticas da empresa japonesa. O negócio de aquisição foi já sancionado pelos conselhos administrativos de ambas as empresas, e, sob os termos acordados, a Fujifilm vai desembolsar

Alibaba assina com empresa de direitos musicais BMG

A Alibaba e a alemã BMG juntam-se para um contrato de distribuição digital de música que deverá aumentar exponencialmente o catálogo de artistas disponível na plataforma chinesa de e-commerce. Para além de promover, a Alibaba deverá também proteger os interesses dos músicos. Os direitos de autor e a proteção dos mesmos não são um assunto

Setor das viagens precisa de reforçar estratégias digitais

As empresas do setor das viagens não estão a retirar o devido valor das plataformas de social media para potenciar os seus negócios. Um estudo da Deloitte e do Facebook revelou que estas empresas não beneficiam das oportunidades de negócio criadas por estes canais digitais, porque não os incluem nas suas estratégias de crescimento. Intitulado

SpeedCast escolhida para fornecer central de gás em Timor

Os serviços de comunicações da central de gás Bayu-Undan, no Mar de Timor, serão, a partir de agora, responsabilidade da SpeedCast, uma operadora de Hong Kong. Conexão de alta velocidade e uma rede de suporte compatível com as dificuldades de uma base marítima são os principais critérios que levaram a esta escolha. Há dez anos

Fundo Santander investe em aplicação de pagamentos móveis

O fundo recém-criado do banco Santander continua a focar as suas atenções em tecnológicas com um investimento de cinco milhões de dólares numa startup de pagamentos móveis. A aplicação da MyCheck está presente em países como os EUA, Reino Unido e Brasil. Em julho do último ano, o banco espanhol Santander criou um fundo de