Portuguesa Zarph instala soluções de gestão na Colômbia

FinançasNegócios

A tecnológica portuguesa Zarph conseguiu mais um contrato na América Latina, desta vez na Colômbia. A especialista em soluções de gestão de tesouraria tem estado em rápida expansão no último ano.

O sistema que a Zarph implementou é o equipamento de depósitos de notas TD 412, uma solução personalizada capaz de gerir a informação em tempo real. A empresa portuguesa também instalou equipamentos para depósito e gestão de moedas TD 403, que permite ao cliente final realizar estas operações 24 horas por dia sem necessitar de se dirigir aos balcões do banco. O projeto foi feito na filial colombiana do banco alemão ProCredit Bank. 

Pedro Mourato Gordo, CEO da Zarph, sublinha que este projeto consolida a parceria estabelecida com o banco e é uma boa oportunidade num mercado com grande potencial. “Este é mais um desafio ao nosso trabalho e crescimento, que em breve irá conhecer novos desenvolvimentos nesta região do globo, e não só”, adianta o responsável.

A Colômbia torna-se no sexto mercado de exportação para a Zarph, depois de Bulgária, Grécia, Equador, Kosovo e Macedónia. Esta expansão tem ajudado a empresa a dar o salto, o que explica o crescimento de 200% na faturação em 2015, para meio milhão de euros. As operações internacionais já representam 60% dos negócios da tecnológica, que fornece equipamentos de gestão de tesouraria virados para a automatização do processo de gestão de numerário. A empresa criou também uma plataforma web que liga organizações de vários sectores, como empresas de transporte de valores e instituições bancárias.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor