Yahoo fecha o cerco e deixa Google e Facebook de fora

EmpresasNegócios

A Yahoo vai proibir que os utilizadores que iniciem sessão com a sua conta do Facebook ou do Google não tenham acesso aos seus múltiplos serviços online, que incluem o Fantasy Sports e a plataforma de partilha de material fotográfico Flickr. De acordo com uma porta-voz da empresa norte-americana de serviços de Internet, esta nova

A Yahoo vai proibir que os utilizadores que iniciem sessão com a sua conta do Facebook ou do Google não tenham acesso aos seus múltiplos serviços online, que incluem o Fantasy Sports e a plataforma de partilha de material fotográfico Flickr.

marissa mayer

De acordo com uma porta-voz da empresa norte-americana de serviços de Internet, esta nova medida vai ser gradualmente implementada e vai obrigar os utilizadores a registarem-se com uma conta da Yahoo para que possam ter acesso aos vários serviços online de que a empresa dispõe.

Esta decisão marca a mais recente reforma da empresa pela mão da diretora executiva Marissa Mayer, que pretende, terminantemente, fomentar novos interesses nos produtos web da empresa e reanimar as suas receitas, estagnadas.

A empresa diz que tem estado empenhada em aprimorar a experiência de utilizador e que o novo formato de operação vai oferecer a melhor experiência personalizada para todos os utilizadores.

O primeiro serviço no qual a Yahoo aplicará esta nova medida será o Yahoo Sports Touurney Pick’Em, uma funcionalidade no torneio NCAA de basquetebol universitário.

Os ícones de registo através do Facebook e do Google serão em breve removidos de todas as propriedades da Yahoo, avançou a porta-voz da empresa, que recusou-se a adiantar qualquer data.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor