Xiaomi duplica receitas para 12 mil milhões de dólares

EmpresasMobilidadeNegóciosSmartphones

A empresa, que já é a terceira maior fabricante de smartphones, aumentou as suas receitas em 135 por cento, em comparação com 2013. Estes dados são referentes às vendas em 2014, ainda sem impostos, e foram divulgados pelo CEO da Xiaomi, Lei Jun. A empresa tem crescido rapidamente e já compete com a Apple e

A empresa, que já é a terceira maior fabricante de smartphones, aumentou as suas receitas em 135 por cento, em comparação com 2013.

xiaomi

Estes dados são referentes às vendas em 2014, ainda sem impostos, e foram divulgados pelo CEO da Xiaomi, Lei Jun.

A empresa tem crescido rapidamente e já compete com a Apple e a Samsung. Para além disso, compete ainda em “casa” com a Huawei, também ela chinesa.

Em 2014, a Xiaomi vendeu mais de 61 milhões de smartphones, o que revela um impressionante crescimento de 227 por cento, quando comparado com o ano anterior.

Lei Jun acrescentou ainda que o crescimento no mercado chinês irá acalmar em 2015 e que a empresa se irá concentrar em novos produtos, que terão como objetivo principal a exportação para outros mercados.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor