Wipro assina aquisição da Appirio por 500 milhões de dólares

CloudEmpresasNegócios
0 0 Sem Comentários

A Wipro Limited anunciou que vai aquirir a Appirio, uma empresa global de serviços em nuvem, pelo valor de 500 milhões de dólares.

Com a essa compra, a Wipro vai consolidar as práticas de aplicações em nuvem da Salesforce e Workday e pretende ser numa das maiores empresas na área de transformação digital com base na nuvem do mundo.

A companhia americana traz, também, para a Wipro, a Topcoder, organização líder no mercado de crowdsourcing que conecta mais de um milhão de designers, programadores e cientistas de dados a clientes em todo o mundo.

“Em um mundo cada vez mais digital, em que os comportamentos e as expectativas dos consumidores são continuamente modificados pelas experiências, as empresas têm reconhecido que precisam de uma vez por todas transformar a maneira como se envolvem com clientes e colaboradores, aproveitando o poder da nuvem. A Appirio e a Wipro estão a unir-se para alinhar as sinergias transformacionais no espaço de aplicações e ajudar as empresas a criar novos modelos de negócios “, afirmou, em comunicado,  Abidali Z. NeemuchwalaCEO e Membro do Conselho da Wipro.

A expansão do negócio será conduzida por Chris Barbin, CEO da Appirio. “Quando se combina a escala global e o profundo foco digital da Wipro à expertise Appirio na transformação da experiência do colaborador e do consumidor, para além do que temos de melhor em equipa, marca e parceiros, cria uma força formidável na indústria”, afirmou o executivo da Appirio.  “Juntos, o nosso objetivo é dominar o mercado e alcançar os lugares de topo na indústria Net Promoter Score, além de market share e dos melhores lugares para se trabalhar.”

Segundo Ankur Prakash, VP para New Growth e Emerging Markets da Wipro, “Temos mostrando ao mercado o quanto a Wipro está focada em oferecer serviços de última geração e o quanto a inovação é importante para nós. A aquisição da Appirio reforça a nossa expertise em mais um importante setor da tecnologia, além de permitir que os nossos clientes estejam sempre à frente. ”

A aquisição está sujeita às condições habituais e aprovações regulamentares, e deve ser concluída no terceiro trimestre fiscal da Wipro, que finaliza a 31 de dezembro de 2016.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor