WhatsApp chega aos 600 milhões de utilizadores

Appse-MarketingMobilidadeNegóciosRedes Sociais

Um tweet de Jan Koum, co-fundador do WhatsApp, divulgou a notícia de que a aplicação de troca de mensagens ultrapassou a barreira dos 600 milhões de utilizadores ativos, isto é, que usam a app pelo menos uma vez por mês. Quando, em Fevereiro deste ano, o Facebook comprou o WhatsApp, Mark Zuckerberg disse que a

Um tweet de Jan Koum, co-fundador do WhatsApp, divulgou a notícia de que a aplicação de troca de mensagens ultrapassou a barreira dos 600 milhões de utilizadores ativos, isto é, que usam a app pelo menos uma vez por mês.

WhatsApp

Quando, em Fevereiro deste ano, o Facebook comprou o WhatsApp, Mark Zuckerberg disse que a aplicação iria alcançar mil milhões de utilizadores mais rapidamente que a sua rede social. Na altura da compra, um negócio de 16 mil milhões de dólares, o WhatsApp tinha cerca de 450 mil utilizadores ativos.

As contas são fáceis de fazer e se tivermos em conta que o número 500 milhões foi anunciado em Abril, rapidamente concluímos que o crescimento está a ser assinalável. Pelos números que são conhecidos, o WeChat é o concorrente mais próximo do WhatsApp com 438 milhões de utilizadores ativos. Mais longe vêm Line (235 milhões), Viber (100 milhões) e Tango (70 milhões).

Refira-se, no entanto, que o número revelado pelo Line é referente a utilizadores registados e não explicita quantos destes são ativos. Koum não esqueceu esse pormenor no seu tweet, destacando: “sim, ativos e registados são tipos muito diferentes de números…”.

Fica agora por perceber se, no futuro, as receitas do WhatsApp continuarão a ser geradas como atualmente em que existe uma cobrança de um dólar por ano, após a utilização livre no primeiro ano ou se, contra aquilo que Koum tem defendido, haverá a introdução de jogos ou publicidade no serviço.

A aplicação WhatsApp foi criada em 2009 por Brian Acton e Jan Koum e está disponível para todos os sistemas operativos mais utilizados nos dias que correm.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor