Website de cibercrime fechado em operação internacional

CyberwarSegurança

Autoridades internacionais de investigação criminal desmantelaram hoje o fórum digital Darkode, um mercado negro para o comércio de dados roubados e um sítio online de troca de ferramentas e métodos de hacking entre cibercriminosos. A operação conjunta resultou na detenção de 28 suspeitos em todo o mundo.

O FBI e a Europol, em parceria com uma série de outras entidades policiais de vários países, conduziram uma operação internacional denominada Operation Shrouded Horizon, ou “Operação Horizonte Escondido”, que visava pôr um fim ao website de comércio ilegal Darkode, o qual o procurador norte-americano, David Hikton, apelidou de “ninho de vespas cibernético para hackers criminosos”.

O Departamento da Justiça dos Estados Unidos acusou 12 pessoas de práticas cibercriminosas, segundo a Reuters, e disse que esta foi a maior operação coordenada de autoridades policiais internacionais de sempre dirigida a um portal online ilegal. O esforço contou com a participação de entidades da Austrália, Bósnia-Herzegovina, Brasil, Canadá, Colômbia, Costa Rica, Chipre, Croácia, Dinamarca, Finlândia, Alemanha, Israel, Letónia, Macedónia, Nigéria, Roménia, Sérvia, Suécia, Reino Unido e Estados Unidos.

Consta que a operação não termina por aqui, considerando que se suspeita que exista um total de 70 membros e associados do Darkode. Citado pelo Wall Street Journal (WSJ), Hikton afirma que devem ser esperadas mais acusações.

Para além do comércio de dados e informações furtadas, o website era utilizado para a troca de software e técnicas de hacking e de spam, e muitas das munições tinham como alvos governos e empresas. O fórum era apenas acessível através de convite, o que evidencia que as autoridades conseguiram infiltrar-se nesta comunidade de criminalidade cibernética.

O FBI disse que esteve dois anos envolvido na operação, procurando identificar as mentes criminosas por detrás do Darkode.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor