Web Summit: Al Gore recrutou-nos para salvar a Terra

InovaçãoTecnologia Verde

Existem apenas três perguntas no que diz respeito à crise ambiental. Temos realmente de mudar, conseguimos mudar e vamos mudar? Foram estas as questões que o ex-presidente dos EUA colocou e respondeu durante a sua apresentação que encerrou o palco principal do Web Summit. 

Al Gore, que foi recebido com uma grande ovação do público, começou por dizer que não vinha falar de política (apesar de o ter feito) mas sim dos efeitos das alterações climáticas. “O meu objetivo é recrutar-vos para fazerem parte da solução para a crise climática e ecológica“, referiu.

“Com a vossa ajuda vamos resolvê-la”, acrescentou referindo-se a todas as empresas, empreendedores e startups presentes na sala que estão a desenvolver soluções sustentáveis e não poluentes.

Ainda estamos dependentes em 80% de combustíveis fósseis para a energia usada em todo o mundo.” Ora o prémio Nobel da Paz considera que isso é inaceitável e como é preciso mesmo de mudar.  “Precisamos mesmo de mudar? Spoiler alert: sim, precisamos”, afirmou peremptoriamente.

A vontade política também tem uma palavra a dizer nesta questão e como tal, o ex-presidente referiu-se ao que se passa nos EUA com Donald Trump e avisou que o país vai respeitar o Acordo de Paris.

“Temos de mudar, Sim, claro que sim.  Não podemos condenar a próxima geração ao desespero e sofrimento” defendeu, considerando que o  papel da comunidade da inovação para resolver a crise climática é vital nesta alteração.

“A tecnologia está a melhorar a energia solar e a energia eólica. A eletricidade produzida por células foto voltaicas é, em algumas partes do mundo  significativamente mais barata que a produzida por combustivéis fósseis”, explicou à audiência.

” O mundo está a começar a fazer uma revolução de sustentabilidade, que tem a magnitude da revolução industrial e a rapidez da revolução digital” defendeu.Al Gore referiu ainda que IoT, o Machine Learning e a Inteligência Artificial são e serão importantes neste processo. 

“Há um número cada vez maior de investidores desejosos de conhecer jovens que usam os seus conhecimentos e capacidades para encontrar soluções. Esses jovens são vocês: muito obrigado pelo que estão a fazer. Já estão a fazer uma grande diferença”, completou.

O ativista relembrou que são as empresas e os negócios é que estão a liderar este processo. “A tecnologia está a ajudarmos a conseguir uma mudança como nunca antes foi vista. Estamos a ver novos modelos de negócio e o uso dos dados para perceber o que precisa de ser feito.”

Al Gore finalizou a sua intervenção dizendo que “temos todas as ferraments para resolver esta crise” e que “se calhar não há vontade de mudar mas que vontade de mudar é um recurso renovável.”


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor