Vodafone cria concurso de apps a pensar nos idosos

AppsMobilidadeOperadoresRedes

A Vodafone Portugal e o Instituto Pedro Nunes juntaram-se para o lançamento do concurso eVida Dev Challenge, que tem como objetivo a criação de apps pensadas para os mais velhos. Estão disponíveis 15 mil euros que serão distribuídos por quatro prémios. A gestão da toma de medicação ou lembretes de datas de consultas são algumas das

A Vodafone Portugal e o Instituto Pedro Nunes juntaram-se para o lançamento do concurso eVida Dev Challenge, que tem como objetivo a criação de apps pensadas para os mais velhos. Estão disponíveis 15 mil euros que serão distribuídos por quatro prémios.

elderly-technology

A gestão da toma de medicação ou lembretes de datas de consultas são algumas das necessidades dos idosos, em Portugal. Para contrariar um quadro de cada vez mais envelhecimento, a Vodafone uniu-se ao Instituto Pedro Nunes, uma associação para a inovação e desenvolvimento em ciência e tecnologia, e criaram o concurso eVida Dev Challenge.

O objetivo é o desenvolvimento e apresentação de aplicações que devem ser criadas através da plataforma eVida e que devem também ir ao encontro dos problemas assinalados pelas Instituições de Economia Social, respondendo, assim, às necessidades reais dos idosos portugueses e permitindo uma futura melhoria nas atividades do dia-a-dia.

A plataforma eVida faz parte do projeto TICE.Healthy desenvolvido pelo Instituto Pedro Nunes e funciona como palco para testar as aplicações e outras soluções tecnológicas criadas na área da saúde. É também na página online da eVida que devem ser feitas as inscrições.

As candidaturas podem ser individuais ou em equipa, com um máximo de cinco elementos, e devem ser realizadas até dia 27 de fevereiro. Os projetos serão avaliados por um júri composto por especialistas da área da saúde e tecnologia e os resultados deverão ser conhecidos em março.

Os interessados que decidam concorrer ficam habilitados a quatro prémios. O primeiro prémio na categoria Challenge tem um valor de cinco mil euros, o segundo de três mil euros e o terceiro de dois mil euros. Na categoria Inovation haverá apenas um prémio que terá o valor de cinco mil euros. Para além dos prémios monetários, uma das aplicações vencedoras terá a oportunidade de participar no programa de incubação no Vodafone Labs Lisboa, com a duração de um ano.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor