Vimeo oferece 10 mil dólares para direitos exclusivos de filmes

e-Commercee-Marketing

O Vimeo procura adicionar mais conteúdo exclusivo à sua plataforma: oferece 10 mil dólares a realizadores independentes disponibilizarem os seus filmes online através do Vimeo On Demand. A oferta de mais de 7,5 mil euros destina-se ao filmes que vão estrear esta semana no Toronto International Film Festival. O Vimeo tem vindo a disponibilizar formas

O Vimeo procura adicionar mais conteúdo exclusivo à sua plataforma: oferece 10 mil dólares a realizadores independentes disponibilizarem os seus filmes online através do Vimeo On Demand. A oferta de mais de 7,5 mil euros destina-se ao filmes que vão estrear esta semana no Toronto International Film Festival.

header-industry2O Vimeo tem vindo a disponibilizar formas para que os criadores de filmes possam ganhar dinheiro através de uma plataforma que permite quem faz os filmes ir de encontro ao “fã” e fazer esse vídeo disponível por uma taxa. Neste momento, há cerca de dois mil títulos que os utilizadores podem ver “on demand”.

Através desta oferta, o Vimeo quer aumentar esse número adquirindo conteúdo “indie” que estreia no festival de cinema de Toronto e são prometidos 10 mil dólares de avanço a qualquer filme que faça a sua estreia mundial no festival.

Em contrapartida, o Vimeo tem a exclusividade no que toca à distribuição do filme online ou noutras plataformas digitais durante 30 dias ou até que o filme faça o que recebeu de avanço (aquilo que acontecer primeiro). Depois disso, os “filmmakers” são livres de vender ou disponibilizar o seu filme onde quiserem.

Desta forma, o Vimeo só tem direitos exclusivos no que toca a conteúdos digitais, ou seja, os donos dos filmes podem distribuir o filme pelas salas de cinema como quiserem. Podem, ainda, definir o preço e forma de visualização (por aluguer ou compra) na plataforma, desde que o preço não seja acima dos 4,99 dólares.

Como parte do acordo, o filme tem de ficar na plataforma do Vimeo, de forma não exclusiva, por um período de dois anos.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor