Viacom e Google chegam a acordo em processo contra YouTube

EmpresasNegócios

A Google e a Viacom revelaram a resolução de um processo judicial, no qual a empresa de entretenimento acusava a tecnológica de permitir que na sua plataforma de vídeos YouTube fossem publicados conteúdos sem autorização da Viacom. Chega, por fim, a conclusão de um processo sobre direitos autorais que tem criado grande tensão entre a

A Google e a Viacom revelaram a resolução de um processo judicial, no qual a empresa de entretenimento acusava a tecnológica de permitir que na sua plataforma de vídeos YouTube fossem publicados conteúdos sem autorização da Viacom.

youtube

Chega, por fim, a conclusão de um processo sobre direitos autorais que tem criado grande tensão entre a Google e a Viacom. As reivindicações da empresa de conteúdos televisivos incidiam sobre a publicação de programas no YouTube sem a permissão prévia da Viacom.

“Este acordo reflete a crescente cooperação entre as duas empresas, e esperamos vir a trabalhar de forma mais direta e próxima”, foram as palavras das duas empresas aquando do anúncio do consenso.

A resolução do caso chegou quase um ano após o juiz distrital norte-americano Louis Stanton ter rejeitado as reivindicações da Viacom sobre a alegada publicação não autorizada de propriedade intelectual da empresa no Youtube.

Já em 2007 a Viacom tinha submetido um processo judicial contra o Youtube, acusando-o de, desde 2005, publicar quase 80 mil vídeos que desrespeitavam os direitos autorais que a Viacom detinha sobre os mesmos.

Ainda antes de as empresas terem chegada a um acordo, a Google e a Viacom aliaram forças no combate à pirataria digital, o que resultou na aplicação de um filtro que permitia que a Viacom fosse alertada sempre que conteúdos seus fossem publicados sem autorização, eliminando-os de imediato.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor