Vendas de PC caem 7,7 por cento no terceiro trimestre

Negócios

As vendas mundiais de computadores voltaram a decrescer no terceiro trimestre, segundo a Gartner. No entanto, foram vendidas mais unidades do que no trimestre anterior.

Entre julho e setembro, o número de PC vendidos não ultrapassou os 73,7 milhões, o que representou uma queda de 7,7 por cento face ao mesmo período de 2014. No entanto, a queda foi menor do que a registada no segundo trimestre, quando a venda de computadores sofreu uma queda de 9,5 por cento, comparativamente ao mesmo período do ano passado.

A Gartner diz que o lançamento do Windows 10, no dia 29 de julho, pouco impacto teve. Esperava-se que o novo sistema operativo da Microsoft estimulasse a venda de computadores, mas o tiro saiu pela culatra, visto que os utilizadores têm optado por instalar o Win10 em PC que já possuem.

Segundo consta, os analistas preveem uma estabilização e o crescimento do mercado dos computadores, embora, em julho, a consultora tenha afirmado que essa melhoria não deverá acontecer antes de 2016.

Em comunicado, a Gartner diz que o mercado global de PC sofreu um aumento de 10 por cento dos preços, este ano, motivado pelo aumento do valor dólar contra as moedas da região EMEA, do Japão e da América Latina, resultando numa procura abaixo da desejada, mas não longe da esperada.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor