Vendas da Tesla batem estimativas e ações sobem

EmpresasGestãoNegóciosResultados

O valor das ações da Tesla Motors subiu hoje 2,1 por cento, depois de a empresa ter anunciado que as suas vendas aumentaram mais de metade durante o segundo trimestre do ano, superando as estimativas dos analistas.

A tecnológica de Elon Musk vendeu, no quartel terminado em junho, 11,507 mil sedãs Model S (o único modelo ainda disponível), contra estimativas que apontavam para 10 a 11 mil unidades vendidas. Ao conseguir ultrapassar as projeções dos analistas, a Tesla conseguiu também aumentar para 274,75 dólares o preço das suas ações.

De acordo com uma análise preliminar da Bloomberg, neste primeiro semestre foram vendidos 21,552 mil carros da Tesla. Este valor fica ainda aquém das estimativas da empresa de 55 mil veículos vendidos até ao final do ano. Espera-se que o objetivo seja alcançável com a introdução do novo modelo X , que deverá estrear-se no mercado já este trimestre, com as previsões a apontarem para o mês de setembro.

O Wall Street Journal diz, que devido ao método de reporting algo difuso da Tesla, não se pode saber com certeza absoluta se a empresa é já a maior vendedora de carros elétricos nos Estados Unidos. No entanto, a probabilidade de já ter alcançado a liderança do setor é bastante alta.

O periódico nova-iorquino afirma que ao mostrar ser capaz de fazer o mercado dos carros elétricos chegar ao próximo estágio evolutivo, a Tesla está, por acréscimo, a melhorar a sua situação financeira, visto que no primeiro trimestre gastou mais de 500 milhões de dólares e registou perdas de 154 milhões.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor