Venda de smartphones aumenta mas de computadores diminui

MobilidadeSmartphones

Segundo estudo da GFK, este início de ano foi bastante positivo para o setor dos bens tecnológicos de consumo, com os consumidores portugueses a comprarem mais 4,7%, em valor, neste 1º trimestre, comparativamente com o período homólogo.

*com GFK

Este incremento segue a tendência, também positiva e igualmente aferida pela GfK, relativa aos índices de confiança e expectativas sobre o desenvolvimento da economia, por parte dos Portugueses. Este aumento permitiu atingir os 614 milhões de euros de vendas, neste mercado.

Sem dúvida que as boas noticias de recuperação da economia nacional, com um crescimento de 2,8%  contribuíram para que os portugueses ganhassem mais confiança e comprassem mais. Embora os indicadores de crescimento se devam essencialmente as exportações, é natural que consequentemente o consumo interno aumente. 

Mais este estudo não reflete só boas noticias este estudo mostra que no que diz respeito a compra de computadores, neste trimestre, que o volume de vendas foi reduzido em -3% em comparação com o mesmo período, em 2016.

O maior gasto dos portugueses nesta área, recaiu sobretudo num forte aumento das vendas de smartphones, bem como no aumento em grandes eletrodomésticos. Este último mercado já tinha tido aumentos importantes durante 2016 e continua com a mesma tendência positiva neste início de ano. Por outro lado, os “smartphones” crescem 3% em unidades vendidas, o aumento em mais de 10% do seu preço médio, indica que os Portugueses preferem comprar não apenas mais, mas sobretudo terminais mais caros e sofisticados, no atual contexto.  

Portugal 1ºTRIMESTRE 2017 (GFK)

  Q1 2017 – M. EUR Q1 2017 / Q1 2016 +/- %
Eletrónica de Consumo 83 -0.2%
Fotografia 10 4.4%
Grandes Eletrodomésticos 120 5.1%
Pequenos Eletrodomésticos 61 1.2%
Informática e Jogos 118 -3.0%
Telecomunicações 195 14.1%
Equipamentos Escritório 26 1.4%
 

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor