Universidade de Évora disponibiliza aplicação académica

Software

A Universidade de Évora (UÉ) lançou para os seus estudantes e funcionários docentes e não-docentes uma aplicação móvel – MY.UE – que vai permitir ligar a comunidade académica a serviços da universidade. Esta é uma plataforma integradora de serviços da Universidade que permite a gestão e consulta dos seus conteúdos em tempo real, estando disponível

A Universidade de Évora (UÉ) lançou para os seus estudantes e funcionários docentes e não-docentes uma aplicação móvel – MY.UE – que vai permitir ligar a comunidade académica a serviços da universidade.

Ericsson_Using a mobile

Esta é uma plataforma integradora de serviços da Universidade que permite a gestão e consulta dos seus conteúdos em tempo real, estando disponível para smartphones e tablets com sistema operativo iOS e Android.

A partir de agora, os alunos podem consultar conteúdos relevantes para a sua vida académica, desde o acesso aos dados sobre inscrições, horários, programas das disciplinas, processo de avaliação, classificações e todas as iniciativas a decorrer na universidade.

Já os docentes podem aceder às respetivas unidades curriculares e comunicar com os estudantes da sua unidade curricular, para além de terem acesso às restantes funcionalidades informativas.

A aplicação de suporte ao ensino foi construída sobre um conjunto de ferramentas educacionais existentes na plataforma Moofwd e resultou de um protocolo assinado entre a Universidade de Évora e a Universia no âmbito do projeto UNI>COM.

A Reitora da UÉ, Ana Costa Freitas, salienta a importância desta ferramenta, referindo que “esta aplicação vai permitir aos alunos uma maior interação com a instituição”, sublinhando a “importância e carácter inovador”, “mostrando mais uma vez que a Universidade de Évora está na linha da frente no que diz respeito à ligação com os seus alunos”.

“Esta aplicação permite partilhar, em tempo real, as diferentes experiências que o campus proporciona, mantendo os estudantes sempre informados sobre as iniciativas da Universidade, o que irá proporcionar uma maior participação e interação dos alunos na vida académica”, refere Bernardo Sá Nogueira, diretor geral do Universia Portugal.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor