UNIT4 revela parceria com UpSquare

Negócios

A UNIT4 revelou hoje a conquista de um acordo comercial com a startup UpSquare, através do qual dará início a uma fase de comercialização dos seus programas informáticos de gestão em Portugal. Repartida por 26 escritórios em todo o mundo e com 490 milhões de euros em lucros registados no passado ano de 2013, a

A UNIT4 revelou hoje a conquista de um acordo comercial com a startup UpSquare, através do qual dará início a uma fase de comercialização dos seus programas informáticos de gestão em Portugal.

UNIT4-Barcelona-e1384779046738

Repartida por 26 escritórios em todo o mundo e com 490 milhões de euros em lucros registados no passado ano de 2013, a fornecedora mundialmente líder em business software desenvolvido tendo como destinatário o utilizador final tomou hoje como novo parceiro de negócios a jovem empresa UpSquare, que tem como missão a conceção de programas informáticos e soluções inovadores criados sobre a experiência do utilizador.

No contexto deste acordo, a UpSquare vai então difundir e integrar em território nacional o software ERP UNIT4 Agresso, um produto que intenta imiscuir-se nos ecossistemas das empresas que constantemente atravessem mares de mudança, característica muito própria das empresas tecnológicas.

O UNIT4 Agresso é portanto uma solução que devido à sua fácil adaptação e utilização mune os utilizadores das necessárias capacidades para uma mais eficaz e imediata resposta às frequentes reconfigurações, quer na empresa, quer nos seus negócios e operações.

O software visa aprimorar todos os processos, sejam internos ou externos, de gestão da organização, e é enaltecido por apresentar o preço de mercado mais reduzido e oferecer constantes atualizações.

Esta parceria está, deste modo, diluída no novo modelo de estratégia da UNIT4, mediante o qual a empresa apostará com uma maior veemência na aquisição de uma maior número de parceiros, angariando mais numerosas e mais amplas vias de distribuição dos seus produtos. Assim, a UNIT4, que detém um por cento do mercado global, conseguirá fomentar o valor dos seus produtos e soluções, investindo ainda num modelo operacional de subscrições de serviços.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor