Uber traça parceria com publicação para ganhar terreno na Índia

Negócios

A Uber celebrou um acordo com a Times Internet, que vai reforçar a sua estratégia de expansão. A parceria dá ainda à publicação indiana uma pequena participação na empresa proprietária da aplicação móvel de partilha de boleias. Disse a startup californiana que a parceria com a Times Internet vai permitir-lhe potenciar a sua estratégia de

A Uber celebrou um acordo com a Times Internet, que vai reforçar a sua estratégia de expansão. A parceria dá ainda à publicação indiana uma pequena participação na empresa proprietária da aplicação móvel de partilha de boleias.

uber

Disse a startup californiana que a parceria com a Times Internet vai permitir-lhe potenciar a sua estratégia de marketing e de distribuição dos seus serviços, que se estenderão a uns adicionais 200 milhões de clientes na Índia.

A Uber vê este país asiático como o seu maior mercado para lá dos Estados Unidos e aquele que regista um mais rápido crescimento. No passado mês de dezembro, o Baidu, o congénere chinês do Google, decidiu injetar capital na aplicação de partilha de boleias, acrescentando que pretendia integrar as suas funcionalidades de navegação e de pesquisa móvel no serviço da Uber.

O Economic Times, citado pela Bloomberg, avançou que, de acordo com pessoas próximas do assunto, o negócio ronda os 24 milhões de dólares.

Apesar de ver na Índia uma forte fonte de receitas e de crescimento, a Uber tem sido flagelada constantemente em Nova Deli, devido à legitimidade das suas operações e dos seus processos de recrutamento e verificação dos antecedentes das pessoas que emprega.

Depois de um dos seus condutores ter sido acusado de violar uma passageira na capital indiana, que levou ao seu banimento, a Uber, em janeiro, acordou em subjugar-se às leis que regulam o sistema de táxis. Ademais, assegurou que vai contratar condutores que tenham recentemente passado em verificações de antecedentes realizados pelas autoridades policiais, desta forma, procurando apaziguar receios dos governos das regiões onde está presente sobre a legitimidade do seu negócio.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor