Toshiba revela novos módulos para Projeto Ara

MobilidadePortáteis

O smartphone modular da Google, conhecido como Projeto Ara, deverá estar disponível para uma primeira fase de lançamento, ainda este ano, mas, entretanto, já são algumas as empresas a desenvolver os mais variados módulos. A Toshiba revela, agora, novos módulos para aquele que deverá ser um dos telemóveis mais personalizáveis de sempre. No início do

O smartphone modular da Google, conhecido como Projeto Ara, deverá estar disponível para uma primeira fase de lançamento, ainda este ano, mas, entretanto, já são algumas as empresas a desenvolver os mais variados módulos. A Toshiba revela, agora, novos módulos para aquele que deverá ser um dos telemóveis mais personalizáveis de sempre.

project-ara-motorola-2

No início do ano, a Toshiba já deu a conhecer alguns módulos, nomeadamente de câmaras fotográficas, para o Projeto Ara, sendo que essas criações serão compradas diretamente pelos consumidores. No entanto, os módulos, agora apresentados, constituem apenas os desenhos dos mesmos para que outros fabricantes os possam produzir e vender.

Os três novos módulos englobam o Display Module, o TransferJet Module e o Wi-Fi Module, todos eles preparados para responder a diferentes necessidades de utilizadores exigentes. O primeiro deverá ocupar a posição do ecrã do smarphone e, apesar de ainda não serem conhecidas as dimensões, a Toshiba anunciou a integração de um headphone jack, uma porta para auscultadores que elimina a necessidade de aquisição de um módulo específico para esta função.

O TransferJet Module garante a transferência de dados sem que, para isso, seja necessário recorrer a cabos. Este módulo promete velocidades que cheguem aos 375Mbits por segundo através somente da proximidade entre os equipamentos em causa.

Para possibilitar uma das principais ferramentas de um telemóvel, nos dias de hoje, a Toshiba apresentou ainda o Wi-Fi Module que assegura a conexão a uma rede de internet. Este módulo inclui também a tecnologia Bluetooth para que os principais meios de conectividade estejam resolvidos e acessíveis para os utilizadores que adquiram o Projeto Ara.

O smartphone modular da Google será lançado, ainda este ano, e o local escolhido para a primeira fase de testes foi Porto Rico devido ao rápido crescimento do acesso à internet por parte da população bem como o número de empresas de telecomunicações norte-americanas estabelecidas no país.

Já existem dezenas de módulos apresentados para este Projeto Ara que deverão garantir ao utilizador o controlo total sobre a personalização do equipamento. Este poderá ser o smartphone mais personalizável e pessoal de sempre dado que cada um terá a hipótese de escolher que componentes são mais importantes para o seu dia-a-dia e substituir os módulos que entender seja por já se encontrarem desatualizados seja por as necessidades terem sido alteradas.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor