Time Warner potencia crescimento e supera expectativas

GestãoNegóciosResultados

A Time Warner conseguiu superar as estimativas que os analistas avançaram para os lucros do último trimestre, depois de ter elevado as taxas cobradas pelos seus canais televisivos, refletindo os esforços do CEO Jeff Bewkes para manter a independência da empresa. Os lucros para o terceiro trimestre, de acordo com o que fora avançado pela

A Time Warner conseguiu superar as estimativas que os analistas avançaram para os lucros do último trimestre, depois de ter elevado as taxas cobradas pelos seus canais televisivos, refletindo os esforços do CEO Jeff Bewkes para manter a independência da empresa.

bewkes time warner

Os lucros para o terceiro trimestre, de acordo com o que fora avançado pela empresa nova-iorquina, chegaram aos 97 cêntimos por ação. Os analistas haviam previsto uma média de 94 cêntimos.

As vendas da Time Warner aumentaram 3,3 por cento, atingindo os 6,24 mil milhões de dólares, valor que superou os 6,16 mil milhões de dólares estimados pelos analistas.

Bewkes declarara que a sua estratégia de crescimento para manter a empresa independente criará mais valor do que a oferta de aquisição de 85 dólares por ação proposta pelo magnata dos media Rupert Murdoch, rejeitada no passado mês de agosto.

Depois de vários anos a alienar ativos, que reduziu significativamente o negócio da empresa, Bewkes está agora focado na mitigação de despesas e no fortalecimento dos seus conteúdos online.

As ações da empresa aumentaram 2,8 por cento, para 77,05 dólares, na Bolsa de Nova Iorque.

O plano do CEO, para fomentar o crescimento da empresa, passou pela diminuição de postos de trabalho em todos as divisões, nos últimos meses.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor