Tendências de TI da NetApp apresentadas para 2014

CloudEmpresasIAASNegóciosSoftware

Jay Kidd, Chief Technology Officer e Senior Vice President da NetApp definiu quais as tendências na área da tecnologia para 2014. Serviços cloud e softwares de TI são as tendências mais promissoras. Na área da cloud, as clouds híbridas são vistas como uma tendência dominante no negócio empresarial de TI. Neste sentido, “a reticência em

Jay Kidd, Chief Technology Officer e Senior Vice President da NetApp definiu quais as tendências na área da tecnologia para 2014. Serviços cloud e softwares de TI são as tendências mais promissoras.

netapp

Na área da cloud, as clouds híbridas são vistas como uma tendência dominante no negócio empresarial de TI. Neste sentido, “a reticência em mudar as TI para a cloud será ultrapassada à medida que as organizações forem reconhecendo que os modelos de cloud híbrida são necessárias para suportar o portfólio de aplicações que possuem”. As organizações procurarão por soluções de cloud híbrida, que lhes permitem manter o domínio de propriedade sobre os seus dados tirando, simultaneamente, partido da economia permitida pelas soluções de cloud computing.

“A generalização da adoção de soluções de cloud computing desafia as fronteiras geopolíticas tradicionais. Esta questão gera preocupação da parte das grandes empresas em vários países, nomeadamente no que diz respeito às leis de propriedade a que os seus dados estão sujeitos.”

Relativamente ao mercado de flash, observará um grande crescimento, a par do aumento do número de empresas dedicadas ao armazenamento de dados. As empresas que permitirem aos seus clientes a instalação dos níveis de performance serão as que mais vão ter sucesso. Nesse sentido, a segurança no software será muito importante para o crescimento.

No que diz respeito ao software OpenStack continuará em voga em 2014, tornando-se a alternativa mais convencional aos produtos comerciais para orquestração de centros de dados. À medida que as distribuições de OpenStack se fazem mais ao nível de produto e menos ao nível de projeto, mais empresas e service providers vão adotar esta tendência.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor