Tecnologia de reconhecimento de imagem automatiza inspeção de produtos comerciais

Inovação

A NEC lançou de uma solução de inspeção de imagem e de peso que permite realizar inspeções automáticas de produtos comerciais, sejam alimentos, bebidas ou produtos farmacêuticos.Tudo recorrendo à tecnologia de reconhecimento de imagem.

Nos últimos anos, as plataformas de logística têm vindo a lidar com um aumento do número de entregas de pequenos volumes de uma gama variada de categorias de carga. Esta tendência resulta da expansão dos mercados de e-commerce e da globalização das empresas, explica a empresa em comunicado de imprensa.

Apesar de os processos logísticos estarem, de uma forma generalizada, cada vez mais automatizados, em muitos casos a inspeção dos produtos é feita manualmente, com duas a três inspeções a serem efetuadas, para evitar erros de identificação de itens semelhantes.

Perante estas condições, a NEC garante terem sido desenvolvidos esforços no sentido de melhorar as operações de inspeção, mantendo o seu nível de qualidade. “Graças à sua tecnologia de reconhecimento de imagem, original, incrivelmente precisa e de alta velocidade, a nova solução da NEC é capaz de identificar instantaneamente artigos e respetivas quantidades, por comparação com imagens previamente registadas numa base de dados”.

“Esta solução sofisticada permite aos utilizadores inspecionar simultaneamente um elevado número de produtos comerciais, tais como alimentos, bebidas e produtos farmacêuticos, assim como outros itens como panfletos e manuais,” disse no documento Hiroshi Hashimoto, diretor geral do Departamento de Soluções de Transporte e Logística da NEC. “Adicionalmente, os objetos podem ser reconhecidos mesmo que estejam parcialmente ocultos, destacados, com reflexos, inclinados ou dobrados numa imagem”.

A solução permite ainda ao utilizador confirmar o número de artigos de uma entrega, comparando o peso total dos artigos, medido numa balança de uma bancada de trabalho, com a informação sobre esse peso que havia sido previamente registada. Segundo a empresa, este processo realiza inspeções automáticas sem a necessidade de utilizar métodos convencionais, tais como códigos de barras ou controlo visual. “Daqui resulta uma melhoria substancial da eficiência das inspeções realizadas nos centros logísticos, mantendo a sua qualidade. Esta solução pode ainda ser utilizada para a verificação dos bens expedidos, através do armazenamento de imagens”.

 

 


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor