Tech Data Corporation anuncia resultados do segundo trimestre

Fornecedores de SoftwareProjetos

A Tech Data Corporation, fornecedor mundial de tecnologias de informação e de serviços de gestão logística, anunciou os seus resultados financeiros do segundo trimestre concluído a 31 de julho de 2014. Vendas líquidas registando um crescimento de seis por cento e resultados de exploração mundiais de 67,7 milhões de dólares contra os 29,9 no mesmo

A Tech Data Corporation, fornecedor mundial de tecnologias de informação e de serviços de gestão logística, anunciou os seus resultados financeiros do segundo trimestre concluído a 31 de julho de 2014. Vendas líquidas registando um crescimento de seis por cento e resultados de exploração mundiais de 67,7 milhões de dólares contra os 29,9 no mesmo trimestre do ano anterior são os principais dados a destacar.

tech data

A Tech Data Corporation anunciou resultados relativos ao segundo trimestre de 2014 que deixaram os seus responsáveis muito satisfeitos. Robert M. Dutkowsky, CEO da Tech Data classificou-os mesmo de “extraordinários”, destacando que “tanto na Europa como no continente americano respondemos a um vibrante mercado do PC com uma forte execução de vendas e uma margem sólida”.

As vendas líquidas do 2º trimestre foram de 6,8 mil milhões de dólares, registando um crescimento de oito por cento relativamente aos 6,3 mil milhões de dólares no mesmo trimestre do ano anterior. Excluindo o impacto positivo da valorização de algumas moedas face ao dólar americano, as vendas líquidas consolidadas cresceram cerca de 6 por cento comparativamente ao mesmo trimestre do ano anterior. Aproximadamente 60% destas vendas proveio do mercado europeu, sendo os restantes 40% do continente americano.

As despesas de venda, administrativas e gerais atingiram os 284,5 milhões de dólares, ou 4,16 por cento das vendas líquidas, comparadas com 275 milhões de dólares ou 4,35 por cento das vendas líquidas do mesmo trimestre do ano anterior. As despesas de venda, administrativas e gerais Não-GAAP foram de 277,1 milhões de dólares, ou 4,05 por cento das vendas líquidas, comparadas com 267,8 milhões de dólares ou 4,23 por cento das vendas líquidas no mesmo trimestre do ano anterior.

Os resultados de exploração mundiais foram de 67,7 milhões de dólares ou 0,99 por cento das vendas líquidas comparados com 29,9 milhões de dólares ou 0,47% das vendas líquidas alcançadas no mesmo trimestre do ano anterior. Os resultados de exploração Não-GAAP foram de 74,3 milhões de dólares, ou 1,09% das vendas líquidas, comparados com 48 milhões de dólares ou 0,76% das vendas líquidas alcançadas no mesmo trimestre do ano anterior.

O líder da Tech Data referiu mesmo que os resultados ultrapassaram as melhores previsões da empresa: “as oportunidades do mercado no segundo trimestre e primeiro semestre excederam as nossas expectativas e reagimos demonstrando que o nosso diversificado portfólio de clientes e fornecedores, combinado com a nossa capacidade de execução permitiram à Tech Data  responder à procura de um mercado de TI sempre em mudança oferecer bons resultados aos nossos acionistas”.

A referência aos bons resultados oferecidos aos acionistas assenta num resultado líquido de 39,3 milhões de dólares, ou 1,03 dólares por ação, comparado com um resultado líquido de 14,7 milhões de dólares ou 0,38 dólares por ação no segundo trimestre no ano anterior. O resultado líquido Não-GAAP foi de 42,9 milhões de dólares, ou 1,12 dólares por ação, comparado com 27,9 milhões de dólares ou 0,73 dólares por acção no mesmo período do ano anterior. O retorno do capital investido numa base Não-GAAP anual foi de 11 por cento.

Também no nosso país, onde a empresa é representada pela subsidiária Tech Data Portugal, o Country Manager Augusto Soveral se regozijou por “acompanhar a tendência internacional, tendo registado um crescimento nas vendas a 2 dígitos, face ao mesmo período do ano anterior. O permanente focus na ampliação do nosso portfólio e na agilização de processos, tornando-os simples e rápidos para os nossos clientes, conjugado com a determinação da nossa equipa, foram decisivos para estes resultados.”


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor