Sophos discute soluções de segurança contra ataques informáticos avançados

EmpresasNegóciosSegurança
0 0 Sem Comentários

A fabricante mundial de software e hardware de segurança reuniu clientes e parceiros num evento dedicado ao tema de segurança informática.

Pela primeira vez, a Sophos organizou em Portugal o Sophos Day, um evento que contou com 160 participantes, entre clientes e parceiros, com o objetivo de apresentar e discutir novas soluções de segurança sincronizada contra ataques informáticos avançados.

O evento teve como oradores Vicente Pérez, Key Account Manager da Sophos Iberia, Paulo Santos, Chefe da Divisão de Contra-Informação da Guarda Nacional Republicana (GNR) e Responsável pelo Grupo de Trabalho de Cibersegurança, Chet Wisniewski, Investigador Científico da Sophos, entre outos.

A sessão abriu com Vicente Pérez a explicar de que forma se tem estado a posicionar a Sophos na área da segurança informática ao implementar novas dinâmicas de sincronização entre as redes de nova geração e os postos de trabalho, proporcionando formas de proteção com uma visão única de segurança.

Chester Wisniewski, principal investigador científico da Sophos e orador assíduo em eventos e conferências internacionais da área, abordou os novos cenários de ameaça que as empresas enfrentam, dando a conhecer igualmente algumas das estratégias mais recentes adotadas pelos cibercriminosos.

Para Inma Martínez, Distributor Manager da Sophos Iberia, segundo refere o comunicado “este primeiro grande evento da Sophos em Portugal superou todas as nossas melhores expetativas e vem confirmar a satisfação e a confiança que os nossos clientes e parceiros têm depositado nas soluções de segurança da Sophos. Os vários case studies apresentados irão certamente resultar numa importante contribuição para prevenir e solucionar ataques informáticos.”

Segundo a empresa, a Sophos tem procurado revolucionar o panorama da segurança informática, não só pela oferta de soluções de segurança de nova geração mas também através de serviços como o SophosLabs, que funciona como uma rede de centros de análise de ameaças, ou o Sophos Central, que permite gerir de forma centralizada as várias soluções de forma simples e eficiente.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor