Sistema operativo móvel da China concorre com Android e iOS

MobilidadeSOSoftware

A China lançou um novo sistema operativo móvel para combater o duopólio Android/iOS. A plataforma já foi aprovada pelo Governo. COS é o nome do novo sistema operativo móvel apresentado na passada quarta-feira. O seu desenvolvimento resulta da colaboração entre o Instituto do Software da Academia Chinesa das Ciências, a empresa Shanghai Lianting e o

A China lançou um novo sistema operativo móvel para combater o duopólio Android/iOS. A plataforma já foi aprovada pelo Governo.

chinaCOS é o nome do novo sistema operativo móvel apresentado na passada quarta-feira. O seu desenvolvimento resulta da colaboração entre o Instituto do Software da Academia Chinesa das Ciências, a empresa Shanghai Lianting e o Governo.

O objetivo é dar mais um passo relativamente ao que já fazem versões modificadas do Android, na adaptação dos sistemas operativos móveis à língua e às preferências dos utilizadores locais.

A HTC também poderá ter apoiado este projeto, embora ainda não tenha confirmado oficialmente o seu apoio, mas já no verão passado a fabricante tinha sido apontada como parceira do governo no desenvolvimento do projeto.

O COS foi apresentado em ação em dois equipamentos da marca, o HTC Butterfly S e o HTC One, e as semelhanças da plataforma com a interface Sense5 da fabricante são óbvias. No entanto, o novo sistema operativo móvel chinês está a dar azo a mais comentários.

O novo sistema operativo móvel foi desenhado para correr em diferentes dispositivos, como tablets, televisores e set-top-boxes, para além dos smartphones.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor