Sistema Operativo estatal chinês pode chegar em outubro

NegóciosProjetosSetor Público

Depois de vários sinais, ao assumir posições contra a Microsoft e a Google, agora há a confirmação de que o governo Chinês está mesmo a preparar-se para lançar um Sistema Operativo próprio em Outubro, segundo foi revelado pela agência noticiosa estatal Xinhua. O Governo Chinês quer assumir o mercado do país e combater a hegemonia

Depois de vários sinais, ao assumir posições contra a Microsoft e a Google, agora há a confirmação de que o governo Chinês está mesmo a preparar-se para lançar um Sistema Operativo próprio em Outubro, segundo foi revelado pela agência noticiosa estatal Xinhua.

Ni Guangnan, da Academia Chinesa de Engenharia
Ni Guangnan, da Academia Chinesa de Engenharia

O Governo Chinês quer assumir o mercado do país e combater a hegemonia das americanas Microsoft, Google e Aple cujos sistemas operativos equipam a maioria dos dispositivos do país, sejam móveis ou desktop.

A ideia não surgiu do nada pois já desde Janeiro que existe o China Operating Sistem (COS) uma plataforma baseada no Linux. Em Março, Ni Guangnan, da Academia Chinesa de Engenharia, passou a liderar uma equipa constituída para implementar o sistema operativo chinês.

Este responsável afirmou que a decisão das autoridades chinesas de banirem o Windows 8 dos computadores do governo foi a janela de oportunidade para se avançar em definitivo para uma solução própria mas adiantou que é ainda necessário investimento.

O plano é que o sistema operativo esteja disponível para desktop já em Outubro e mais tarde se expanda aos dispositivos móveis. No caso dos primeiros, a ambição de Ni leva-o a estabelecer como meta um a dois anos para o novo sistema suplantar os estrangeiros e três a cinco anos para ganhar o mercado de smartphones e tablets.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor