Simoldes Plásticos aposta na transformação digital com ajuda da SoftExpert

EmpresasNegócios

A empresa portuguesa  investiu nas soluções da brasileira SoftExpert para otimizar a gestão dos seus documentos e automatizar o fluxo das informações, apostando na transformação digital dos seus processos de negócios. Com este investimento, a Simoldes Plásticos, aumentou a produtividade e a eficiência.

A empresa, que tem sede em Oliveira de Azeméis, conta com cerca 2700 funcionários distribuídos por oito fábricas, sendo seis unidades na Europa e duas no Brasil. A sua operação estende-se por Espanha, França, Alemanha, Polônia e República Checa e atende, principalmente, o setor automóvel, que absorve quase toda a produção do grupo. Os seus principais clientes são Renault, VW, PSA, Audi, Toyota, Porsche, GM, Skoda, Seat, BMW.

A solução implementada foi a SoftExpert BPM  que, de acordo com a Simoldes, originou um aumento da eficiência dos pedidos e um maior controlo do fluxo da informação. Dado que os processos são transversais a toda a organização, a ferramenta é usado por todos os departamentos da empresa.

“Reduzimos significativamente as burocracias nos processos administrativos. Encontramos na SoftExpert uma solução de BPM que nos ajuda a otimizar a realização das tarefas, automatizando rotinas, reduzindo os papeis e e-mails, evitando a perda de tempo nessa gestão”, afirma, em comunicado, Luís Faustino, Director  de IT da divisão de plásticos do Grupo Simoldes.

Segundo o responsável, a escolha da ferramenta deve-se à sua flexibilidade e ao facto do SoftExpert BPM ser composto por um conjunto de módulos. A substituição de aplicações específicas pelos módulos possibilitou a simplificação do portfólio de soluções implementadas na empresa e aumentou a integração com outros sistemas.

“Já identificamos uma maior agilidade e facilidade na execução dos trabalhos. Isso reduziu o tempo que cada colaborador demora a executar as tarefas, permitindo a concentração de energia para execução de outros trabalhos. O resultado é economia de tempo, de recursos e aumento de produtividade”, explica o executivo.

O próximo passo será a ampliação do uso das soluções, com a integração da gestão de projetos com a gestão documental, além da aplicação do módulo SE Survey para questionários e inquéritos.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor