Serviços da Playstation atacados por hackers

Segurança

Os serviços da Playstation Network, que pertence à Sony, foram alvo de ataques por parte do grupo de hackers Lizard Squads, na manhã do dia de Natal. As falhas afetaram os utilizadores que tentaram jogar online ou utilizar as outras funcionalidades do serviço, durante a manhã. Os problemas fizeram-se sentir através de dificuldades em aceder

Os serviços da Playstation Network, que pertence à Sony, foram alvo de ataques por parte do grupo de hackers Lizard Squads, na manhã do dia de Natal.

hacker01

As falhas afetaram os utilizadores que tentaram jogar online ou utilizar as outras funcionalidades do serviço, durante a manhã. Os problemas fizeram-se sentir através de dificuldades em aceder à rede da Playstation.

O grupo de hackers é o mesmo que atacou a Sony, no início deste ano. No entanto, não está de qualquer forma ligado ao ataque aos servidores da Sony Pictures, feito pelo grupo Guardians of Peace, que revelaram milhares de dados e e-mails confidenciais, resultando na polémica que até levou ao cancelamento do filme “The Interview”.

A responsabilidade dos ataques foi reclamada na rede social Twitter, onde os hackers afirmaram que estavam dispostos a parar com os ataques, desde que os utilizadores da rede partilhassem as mensagens que o grupo ia fazendo.

No entanto, ainda não está explícito se este ataque conseguiu roubar informações dos utilizadores ou não. “Não sabemos se foi mais um ataque à rede da PlayStation ou se alguma informação pessoal foi roubada também. Do ponto de vista dos investidores, não é uma fuga de dados que irá levar a empresa à bancarrota”, disse Hideki Yasuda, analista do Ace Research Institute.

Mas a verdade é que este ataque teve consequências na prestação da Playstation nos mercados internacionais: na bolsa de Tóquio, os títulos da empresa caíram 0,7 por cento, com as ações a serem negociadas a pouco mais de 17 euros.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor