SAS festeja 40.º aniversário com receita de 3,2 mil milhões de dólares

CloudNegócios
0 4 Sem Comentários

Plataforma analytics, cloud e soluções inteligentes de fraude e segurança potenciou crescimento.

O SAS comemorou o seu 40º aniversário com a expansão das suas operações globalmente e a crescer na sua receita e rentabilidade, tendo faturando qualquer coisa como 3.2 mil milhões de dólares no total de receitas. O que significa um aumento de 4% em valor corrente (1.3% em dólar americano) face a 2015. As novas vendas de software aumentaram 9% em valor corrente (7% em dólar americano), uma prova da contínua procura pelas soluções SAS Analytics. 

“O nosso objetivo é ajudar os clientes a transformar insights analíticos em valor para o seu negócio. E fazemo-lo através da adaptação a mercados voláteis, a trabalhar com tecnologias disruptivas e no inabalável compromisso com a inovação. Isto permite-nos continuar a ser um líder em todos os principais mercados, ao mesmo tempo que fornecemos soluções inovadoras para superar os mais desafiantes problemas dos nossos clientes”, disse em comunicado Jim Goodnight, CEO do SAS.

Crescimento Global

As receitas cresceram no mundo inteiro, em todas as regiões geográficas, diz a empresa. A Ásia-Pacífico e a América Latina registaram o maior crescimento, pois nestas regiões os clientes adotaram práticas mais estratégicas de analítica. Todas as regiões aumentaram as suas receitas nas principais tecnologias SAS, incluindo Data Management, Analytics e Business Intelligence. Através da indústria, da banca, da administração pública e das ciências da saúde / vida cresceram mais.

Em Portugal, o SAS continuou com um crescimento sólido, registando um aumento de +15.7% em novos licenciamentos, um número acima da média do mercado, o que é um excelente indicador da contínua solidez das soluções SAS no mercado nacional.

A empresa classifica 2016 como um ano bastante positivo, com uma crescente procura de soluções analíticas, sendo de realçar a 21ª edição do SAS Fórum Portugal que reuniu mais de 1000 pessoas à volta do tema da utilidade e transversalidade das ferramentas analíticas, hoje e no futuro.

Para 2017, o SAS quer continuar a aposta nas áreas tradicionais (soluções analíticas, gestão de dados, conhecimento do cliente e gestão de risco), aumentar as soluções de fraude e penetrar em novos setores de atividade, como os serviços, a indústria e o reforço na Administração Pública.

“A vertente I&D continuará a ser prioridade, assim como a relação com a nossa rede de parceiros. Tudo isto, com o propósito de satisfazer todas as necessidades dos nossos clientes, sem nunca esquecer de referir o inestimável trabalho dos colaboradores SAS, causa primeira para que a empresa continue a liderar o mercado analítico” adiantou Fernando Braz, diretor executivo do SAS Portugal.

Para atender todas as necessidades dos clientes em 2016, o SAS abriu novas instalações em Dublin e em Paris, e um escritório em Detroit para apoiar o crescimento na indústria automóvel. Uma nova torre de escritórios está também em construção na sede do SAS em Cary, NC.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor