Samsung adia recomeço das vendas do Note 7

MobilidadeSmartphones
0 0 Sem Comentários

A Samsung anunciou que irá adiar o recomeço das vendas do Galaxy Note 7, que deveria ocorrer essa semana na Coreia do Sul. A nova data é 1 de outubro.

O motivo dado pela empresa é a necessidade de terminar de forma eficiente a recall que ordenou depois de dezenas de casos de utilzadores que viram os seus Note 7 explodirem ou pegarem fogo. Mais de 2,5 milhões de unidades do smartphone estão a ser recolhidas pela Samsung.

O objetivo da empresa agora é recomeçar as vendas no quarto trimestre do ano em vários mercados, incluindo Coreia do Sul, Austrália e Singapura. Será uma tentativa de recuperar após este desastre, que sucedeu na mesma altura em que a Apple lançou os seus novos iPhones.

Nos Estados Unidos, os utilizadores reclamaram que não estavam a conseguir trocar os seus aparelhos e o suporte ao cliente nem sempre tinha conhecimento total da situação. Na Coreia do Sul, apenas metade dos utilizadores (200 mil) devolveram os Note 7 e trocaram por modelos novos, com o erro de produção corrigido.

Ontem, a Samsung pediu novamente desculpas pela confusão e disse que faria o seu melhor para resolver a situação


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor