Resultados do programa Carnegie Mellon Portugal são conhecidos amanhã

GestãoNegóciosResultados

Quatro equipas estiveram sete semanas no acelerador de negócios do programa Carnegie Mellon Portugal, nos Estados Unidos, com sede em Pittsburgh. Os resultados alcançados pelas equipas de empreendedores vão ser revelados amanhã, dia 6 de dezembro, as 14h00 no UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto.

As equipas All in Surf, Helppier, Smart Insole e Tactile Wireless vão apresentar amanhã a forma como o inRes as ajudou a consolidar os planos de negócio e a contactar com empresas de renome na sua área de negócios. Depois de sete semanas do programa Carnegie Mellon é importante perceber de que forma a presença nos Estados Unidos contribuiu para a entrada no mercado.

Para além das quatro equipas selecionadas para o programa deste ano, na sessão de encerramento também estarão presentes as equipas selecionadas nas edições anteriores do inRes. A iniciativa de aceleração de negócios do Programa CMU Portugal é financiada pela Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Esta sessão é também uma oportunidade para conhecer como têm crescido os negócios e quais as novidades no mercado. Paulo Espregueira Magalhães, fundador e CEO da Tlantic, bem como Kit Needham, do acelerador “Project Olympus”, e Reed McManigle, do Centro de Transferência de Tecnologia e Criação de Empresas, ambos da Carnegie Mellon University vão marcar presença no evento.

As equipas presentes na edição deste ano terão a oportunidade de regressar aos Estados Unidos para realizar uma imersão de uma semana no ecossistema de Silicon Valley, num programa a decorrer já no próximo ano.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor