Próximo Mundial de Futebol é um risco de spam e phishing

Segurança

De acordo com a Kaspersky, o principal objetivo dos cibercriminosos é chamar a atenção dos adeptos de futebol que compram bilhetes para os jogos na Internet e já começaram, segundo a empresa, a “engendrar ataques de phishing específicos para este fim, enviando e-mails com anexos ou links maliciosos”. Os utilizadores que cliquem nestes links ou

De acordo com a Kaspersky, o principal objetivo dos cibercriminosos é chamar a atenção dos adeptos de futebol que compram bilhetes para os jogos na Internet e já começaram, segundo a empresa, a “engendrar ataques de phishing específicos para este fim, enviando e-mails com anexos ou links maliciosos”.

PhishingOs utilizadores que cliquem nestes links ou abram os anexos, verão o seu equipamento infetado por malware que os redireciona para uma página web falsa em que os cibercriminosos poderão roubar a informação pessoal, como dados de cartões de crédito ou credencias de acesso à banca online.

Segundo David Emm, analista sénior da Kasperksy Lab, já foram bloqueadas entre 40 a 50 pagínas web fraudulentas só no Brasil. Na maioria dos casos, tratou-se de ataques de phishing, falsas ofertas ou páginas web fictícias para aquisição de bilhetes online para os jogos do campeonato.

A Kaspersky deixa também alguns conselhos para se proteger de burlas online. “É imperativo estar sempre em alerta face a este tipo de perigo”, afirma a empresa, acrescentando que “ninguém está imune às fraudes online, pelo que é necessário ter em conta alguns conselhos muito úteis”.

Esses conselhos são, por exemplo, ao abrir um e-mail, comprovar sempre que o remetente é conhecido; embora um e-mail pareça vir de uma fonte oficial ou de uma organização legítima, o utilizador não deve “baixar a guarda”, ou seja, se a mensagem parecer suspeita, é melhor não confiar; ter cuidado se alguém pedir dinheiro ou demasiada informação pessoal.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor